News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Domingo, 09 de Maio de 2021

Livre

AGENTES DENUNCIAM DESCASO DA SEJUS E AFIRMAM QUE O 'URSO PANDA' É UMA BOMBA PRESTES A EXPLODIR

A penitenciária na verdade é uma bomba prestes a explodir, por causa da fragilidade e pela falta de servidores. Para se ter uma noção do referido risco, cerca de 15 servidores tem que fazer das tripas o coração para conter cerca de 900 presos. Além do mais, falta material e a outra parte que tem, estão deterioradas e sucateadas.
Domingo, 31 de Janeiro de 2016 - 17:04

  

Porto Velho, RO - As declarações do secretário da SEJUS Marcos Rocha durante entrevistas em rádios e programas de  tv local, afirmando que o sistema penitenciário de Rondônia está uma maravilha e com uma nova cara não condiz com a realidade, é o que afirma vários servidores da penitenciária do Estado, Edvan Mariano Rosendo, mais conhecido por “Urso Panda”.

Os servidores cansados do jeito “carismático” do secretário resolveram colocar a boca no trombone e mostrar a realidade, para que a população entenda o que realmente acontece dentro daqueles muros. A penitenciária na verdade é uma bomba prestes a explodir, por causa da fragilidade e pela falta de servidores. Para se ter uma noção do referido risco, cerca de 15 servidores tem que fazer das tripas o coração para conter cerca de 900 presos. Além do mais, falta material e a outra parte que tem, estão deterioradas e sucateadas.

Os agentes denunciam que as armas de calibre 12 estão em péssimas condições e muitas das vezes até desmontam na mão dos servidores, pois não recebem manutenções adequadas. Em uma ocasião, os agentes ainda afirmaram que as armas falharam e tiveram que se virar no famoso “se vira nos trinta”.

Ainda de acordo com a denúncia, as munições anti motim (munições não letais) estão enferrujadas e vencidas. Outra, as algemas estão quebradas e os coletes balísticos estão rasgados e vencidos. E não para por aí, os equipamentos de segurança que são obrigatórios nas unidades prisionais, como o Scanner Corpora, que é recomendado pelo CNPCP, até hoje nenhum servidor conseguiu ver a cor, pois nunca existiu.

Enfim, não é de ontem e muito menos de hoje, que os servidores arriscam suas próprias vidas exercendo a função. Por outro lado, o secretario distribui uma imagem fictícia de segurança. Os agentes alertam para possíveis motins, fugas e rebeliões, tendo em vista e inércia do estado, que não tomam nenhuma atitude para mudar a situação.

“Em 2014 um servidor tinha feito várias denúncias sobre várias irregularidades que vinham ocorrendo na unidade, servidores relatam que até hoje permanecem as irregularidades, caso que gerou denúncia no ministério público e repercutiu na mídia sobre carceragens abandonadas em dias de visita, servidores saem de suas carceragens para darem apoio aonde vai ter visita, devido o baixo efetivo, e deixam abandonadas suas carceragens, correndo grande risco de fuga em massa, falta de armas, algemas, cadeados, munições, coletes balísticos e várias outras situações que prejudicam o bom andamento das atividades penitenciárias. Continua na mesma situação, disse um servidor.”

Até hoje os servidores gritam por socorro, pedindo mais compromisso e responsabilidade por parte dos diretores, governo e dos atuais gestores da secretaria, afim de evitar danos maiores, os servidores alertam a sociedade do grande perigo que se encontra o presídio e pede das autoridades que venham intervir o mais rápido possível.

A redação do Newsrondonia deixa o espaço aberto para as autoridades responsáveis caso queiram se manifestar.

Fonte - NEWSRONDONIA

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.