News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Sexta-Feira, 07 de Maio de 2021

Livre

JUIZ DÁ ATÉ DIA 5 PARA DILMA FALAR NA OPERAÇÃO ZELOTES

A presidente Dilma foi arrolada como testemunha do empresário Eduardo Valadão, segundo o MPF, negociava com conselheiros do Carf em troca de propina
Terça-Feira, 26 de Janeiro de 2016 - 16:16

O juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília, determinou que a presidente Dilma Rousseff e o ministro da Educação Aloizio Mercadante, ambos com foro privilegiado intimados a depor na ação penal da Operação Zelotes, se manifestem sobre o suposto esquema de venda de medidas provisórias até o dia 5 de fevereiro, por escrito ou pessoalmente.

A presidente Dilma foi arrolada como testemunha do empresário Eduardo Valadão, integrante da SGR Consultoria Empresarial, que, segundo o Ministério Público Federal, negociava com conselheiros do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), em troca de propina, decisões favoráveis a seus clientes.

Segundo informações da Folha de S.Paulo, outras testemunhas de defesa de réus presos foram chamados a depor: os senadores Walter Pinheiro (PT-BA), Humberto Costa (PT-PE), José Agripino (DEM-RN) e Tasso Jereissati (PSDB-CE); o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB); os deputados José Carlos Aleluia (DEM-BA), Alexandre Baldy (PSDB-GO) e José Guimarães (PT-CE), líder do governo na Câmara; e o prefeito de Catalão (GO), Jardel Sebba.

No total, mais de 90 pessoas foram arroladas como testemunhas dos 16 réus acusados de participar do esquema.

Segundo o Ministério Público, lobistas e empresários negociavam pagamento de vantagens ilícitas a servidores públicos para viabilizar a aprovação de MPs de interesse de empresas.

Fonte - Notícias ao Minuto

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.