News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Domingo, 07 de Março de 2021

MILITARES DO EXÉRCITO ADEREM A CAMPANHA DA FHEMERON E FAZEM MUTIRÃO PARA DOAR SANGUE EM PVH

Porto Velho precisa pelo menos manter essa média diariamente.
Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2015 - 16:24

No inicio da semana, os funcionários da Fundação de Hematologia e Hemoterapia (Fhemeron) depararam-se com uma queda de 30% no banco de sangue. Do tipo O- (negativo), considerado raro, só restavam duas bolsas. A queda foi ocasionada, segundo dados da fundação, pelo aumento de cirurgias e acidentes de trânsito no fim de semana. A saída foi intensificar as campanhas em busca de doadores.

A Fhemeron, juntamente com a Pastoral da Saúde, espalhou mensagens de celular convidado à população para doar sangue. Ao saber do apelo, o Major Mário Ivo reuniu 60 militares da Companhia de Comando da 17ª Brigada de Infantaria e Selva, na manhã desta quinta-feira (22), para doar sangue. “Nós organizamos para que numa manhã todos os militares pudessem vir doar. Ao todo vieram 60 homens”, explica o Tenente Mota, oficial de comunicação social.

Em cerca de quatro horas de atendimento, mais de 100 doadores foram atendidos, entre militares e a comunidade em geral. Para a fundação manter abastecidos os hospitais, maternidades, unidades de terapia intensiva, além de atender as emergências, Porto Velho precisa pelo menos manter essa média diariamente.

O 2º sargento Almir Rogério explicou que a importância dessa atitude está em fazer o bem sem olhar a quem. “Para mim é uma questão de solidariedade, é ajudar quem precisa. Nosso sangue vai para pessoas que estão precisando e que a gente nem sabe quem é”. O sargento doou sangue pela quarta vez nesta quinta e diz que tenta repetir o gesto sempre que pode.

A principal recomendação para quem quer ser um doador é estar saudável. Além de ter idade entre 18 e 69 anos, pesar no mínimo 50 quilos, e levar um documento de identificação com foto. Menores de 18 anos também podem doar, mas devem estar acompanhados dos pais ou responsáveis. Apesar de não ser necessário estar em jejum, alimentos gordurosos devem ser evitados nas 4h que antecedem a doação, e as bebidas alcoólicas nas 12h.

“Para doar sangue é simples, se você tem vontade de ajudar seu próximo você já tem meio caminho andado”, declara Maria Luiza Pereira da Silva, assistente social responsável pela captação de doadores.

A fundação funciona de segunda à sexta-feira, das 7h15 às 18h. E nos sábados das 8h às 12h.

Fonte - Secom - Governo de Rondônia

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.