News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Segunda-Feira, 08 de Março de 2021

OS PRESOS MOSTRAM QUEM MANDA NAS NOSSAS CADEIAS

Enfim, os presos têm direitos humanos. Quem não os têm somos nós, aqui fora, que não temos o PCC e nem o Comando Vermelho para recorrer. Lamentável!
Terça-Feira, 20 de Outubro de 2015 - 08:33

Mais uma rebelião dos presos do Urso Branco. Eles alegam que têm sido vítimas de tortura, não têm atendimento médico e exigiam a troca do diretor, que, segundo se sabe, é linha dura mesmo e não dava moleza para que os detentos comandem a cadeia, como acontece na maioria dos presídios. Claro que os presos têm seus direitos, mas eles acabam onde começam os direitos da sociedade. Quando quebram paredes, unem celas, põe fogo em colchões e partem para o confronto, não há como dar-lhes razão. Quando são os prisioneiros que ditam as regras dentro das cadeias; quando fazem mobilização envolvendo suas famílias (aliás, em algum momento disso tudo, alguém lembrou das famílias das vítimas de muitos dos presos que estão lá?), quando protestam porque alguns dos seus líderes perderam o mando dentro das celas, não há como se aceitar essas coisas. Ora, o crime organizado (PCC e Comando Vermelho, saudados pelos presos, durante todo o motim) são os grandes vencedores do confronto. Ao trocar o diretor, o Estado está emitindo um cheque em branco, aceitando sua culpa e avisando que não têm competência para gerir os presídios. Porque, quem manda, na verdade, são os criminosos e não os representantes da lei.

É incrível como presos decidem os rumos da cadeia onde estão presos. Nelas entram celulares, armas, drogas, tudo e mais um pouco. Quando os agentes penitenciários reagem e as direções dos presídios não aceitam essa situação esdrúxula, os presidiários se organizam e fazem as exigências mais absurdas (embora algumas são realmente verdadeiras e sérias). A situação é tão estranha que até a COE pisa em ovos, quando vai para colocar a ordem na área. Enfim, os presos têm direitos humanos. Quem não os têm somos nós, aqui fora, que não temos o PCC e nem o Comando Vermelho para recorrer. Lamentável!

QUATRO VEZES RAUPP

Foi por aclamação. Pela quarta vez, o senador Valdir Raupp, vice presidente nacional do partido,  foi eleito presidente regional do PMDB. O ex prefeito de Porto Velho, Tomás Correia, ficou como vice presidente e vai assumir o comando do partido no dia a dia, já que Raupp se licenciará para priorizar suas ações em Brasília. O deputado Lindomar Garçon, um dos nomes que os peemedebistas estão preparando para disputar a Prefeitura de Porto Velho, ficou com a segunda presidência. José Luiz Lenzi continuará como secretário geral, com a deputada Marinha Raupp na segunda secretaria. Raupp pediu união aos partidários e a eleição de muitos prefeitos e vereadores, no ano que vem...

MOVIMENTO PRÓ 319

O senador Acir Gurgacz, apoiado por várias entidades e instituições, além da Prefeitura e lideranças de Porto Velho, Humaitá e Manaus, continua lutando para que as obras de recuperação da BR 319 seja retomadas. A Federação das Indústrias de Rondônia, a poderosa Fiero, também entrou na briga. Os governos dos dois Estados (Rondônia e Amazônia); as duas Assembleias Legislativas e todas as chamadas forças vivas, exigem que a rodovia seja asfaltada, ligando as duas capitais. Houve um pequeno alento, porque a decisão do Ibama de interromper as obras foi cassada pela Justiça. Só tem um probleminha: todas as autoridades envolvidas se esqueceram de combinar com os russos...

E OS RUSSOS?

Ou seja, esqueceram-se de combinar com as ONGs internacionais, que realmente mandam na Amazônia  e com as poderosas empresas das balsas, que não querem ver a 319 pronta jamais. Lembra a história do técnico da Seleção Brasileira que mandou o jogador Garrincha executar três ou quatro funções em campo, driblar e cruzar para alguém fazer o gol. Garrincha, na sua ingenuidade, antes de entrar em campo contra a então poderosa União Sloviética, perguntou: “não faltou combinar tudo isso com os russos?”

QUEIMADOS VIVOS

A violência e as agressões dos chamados “sem terra”, que muitas vezes de coitados e sem terra não têm nada, causou uma série de assassinatos em Vilhena, no final de semana. Fortemente armados, homens suspeitos de fazerem parte de um grupo de invasores de uma área particular atacaram a casa do sítio e mataram cinco pessoas, além de deixarem uma gravemente ferida. Três das vítimas foram queimadas vivas. Uma coisa inominável. O banditismo tomou conta de alguns grupos de invasores de terras, sem que as autoridades competentes tomem qualquer medida mais drástica. Estamos mesmo nas mãos do crime!

ATÉ TU, SÃO FRANCISCO?

Cada enxadada, uma minhoca. Onde o Ministério Público investiga em Prefeituras de Rondônia e Brasil afora, descobre alguma sacanagem com  o dinheiro público. Agora, o alvo foi a pequena São Francisco do Guaporé, onde funcionários corruptos desviaram perto de 3 milhões de reais da folha de pagamento do município. Foram presas seis pessoas e afastados quatro servidores públicos. Não há semana (quando as ações não são diárias), em que não se descobre algum mal feito nas administrações municipais. Uma vergonha!

PERGUNTINHA

Quando a Eletrobras Ceron Rondônia vai resolver de vez o grave problema de queda de energia em Alto Paraíso, que está causando enormes prejuízos para toda a população daquela cidade?

Fonte - Sérgio Pires - Opinião de Primeira

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.