News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quinta-Feira, 04 de Março de 2021

QUADRILHA DE BRASÍLIA TENTA APLICAR GOLPE NA PREFEITURA DE CACAULÂNDIA

A Prefeitura de Cacaulândia irá enviar as informações para a Associação Rondoniense dos Municípios, ao Banco Central, bem como a Polícia Federal.
Quinta-Feira, 15 de Outubro de 2015 - 08:49

Uma quadrilha localizada em Brasília, tentou nesta quarta-feira (14/10), aplicar um golpe na Prefeitura de Cacaulândia. Logo pela manhã, a Secretária do Prefeito recebeu uma ligação que supostamente seria de uma servidora da Ouvidoria do Banco Central, dizendo que o município possuía um débito junto à Brasil Telecon, e que a 4ª Vara Federal de Brasília determinou, via liminar, um pedido de boqueio de todas as contas bancárias da prefeitura.

De imediato a Secretária enviou as informações a equipe técnica da Prefeitura que efetuou uma ligação de retorno em um número deixando pelos golpistas no primeiro contato. Nesta ligação, a suposta servidora do Banco Central alegou que o município poderia regularizar o débito junto a empresa devedora efetuando o deposito, e assim, o efeito da liminar seria suspenso.

Já desconfiado de que se tratava de um golpe, a equipe técnica solicitou os dados bancários para depósito, no objetivo de colher maiores informações que seriam repassadas as autoridades posteriormente, enquanto outra equipe entrava em contato com o Banco Central e com a Justiça Federal de Brasília.

Tanto o Banco Central quanto a Justiça Federal, de imediato informaram que se tratava de um golpe e que isso está ocorrendo com várias Prefeituras no Brasil. Diante da informação, a equipe da Prefeitura anotou todos os dados colhidos com os suspeitos e enviou à Secretaria de Administração para que comunique as autoridades. A Prefeitura de Cacaulândia irá enviar as informações para a Associação Rondoniense dos Municípios, ao Banco Central, bem como a Polícia Federal.

Confira abaixo os dados enviados pelos suspeitos:

Telefone para contato (61) 4063-9490 e 4053-7575;

Suposto nome da servidora do Banco Central, setor de Ouvidoria: Fernanda Barroso;

O depósito seria efetuado na Agência 6663-x, conta corrente 37558-6, em nome de Telecon Associados Cobrança Ltda, CNPJ da empresa: 23.009.403/0001-05

E-mail para contato: ouvidoria@bcb.gov.br;

Na consulta junto à Receita Federal, o CNPJ traz o nome da seguinte empresa:

MAX TELECON EIRELLI LTDA

Localizada na cidade de Indaiatuba, estado de São Paulo.

A empresa foi aberta em Agosto de 2015.

Fonte - assessoria

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.