News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021

SERVIÇO DE ATENDIMENTO MÉDICO DOMICILIAR GANHA NOVOS VEÍCULOS

A forma como o diretor conduz o serviço também foi elogiada pelo secretário estadual da Saúde, Williames Pimentel, durante o evento.
Quinta-Feira, 08 de Outubro de 2015 - 09:08

Um dos trabalhos mais populares da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) foi fortalecido com seis novas caminhonetes e automóveis. É o Serviço de Assistência Multidisciplinar Domiciliar (Samd), que atende aos doentes em suas residências e foi responsável por mais de 13.400 visitas em 2014. As ações de combate à dengue também foram contempladas com outras seis caminhonetes, que servirão também aos municípios onde a incidência da doença fugir do controle. Os veículos foram entregues na tarde de terça-feira (6).

Responsável pela redução da ocupação de leitos hospitalares nos casos de diabetes, hipertensão, doenças cardíacas, respiratórias, sequelados por Acidente Vascular Cerebral (AVC) e pacientes com câncer terminal, o Samd agrupa profissionais, como assistentes sociais, médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, nutricionistas, além de agentes administrativos e motoristas. Eles são recebidos com carinho nas residências que prestam atendimento. Em 2014, realizaram mais de 10 mil consultas.

A relevância do trabalho, que se confirma pelos números apresentados, rendeu elogios ao diretor do serviço, o médico Leonardo Pinto, durante o ato de entrega dos veículos. O diretor foi econômico nas palavras, mas expressou que é impossível fazer um bom trabalho sem uma equipe dedicada. Temos o compromisso de levar atendimento e carinho aos doentes acamados, e que podem ser tratados em casa, afirmou.

A forma como o diretor conduz o serviço também foi elogiada pelo secretário estadual da Saúde, Williames Pimentel, durante o evento.

O governador Confúcio Moura reconheceu o valor do Samd para a saúde em Rondônia e destacou que esse trabalho ajuda a esvaziar leitos em unidades, como o Hospital João Paulo II, em Porto Velho.

Este trabalho iniciou com poucos recursos. Não havia sequer motocicleta para levar os profissionais. O diretor Leonardo Pinto foi determinado e persistente até consolidar o serviço, elogiou o governador.

Confúcio também falou sobre a origem do Samd, criado pelo governo Federal pelos ex-ministros da Saúde Alceni Guerra e Henrique Santillo.

GASTAR BEM

Confúcio também destacou a importância dos veículos destinados à  Agência Estadual de Vigilância em Saúde de Rondônia (Agevisa) e que serão utilizados no combate à dengue. Ele explicou que, por falta de recursos, os prefeitos não conseguem resolver seus problemas e o estado precisa levar o socorro à população.

Para fazer frente às demandas que surgem no momento em que a crise econômica faz com que o governo Federal reduza os repasses, Confúcio disse que a saída é gastar bem o dinheiro disponível e fazer o melhor. O governador encerrou fazendo elogios aos servidores da Sesau, dizendo que foi a dedicação de todos que fez com que a situação nas unidades estaduais mudasse em relação ao início do primeiro mandato. Muito obrigado a todos vocês, reforçou.

No total, os 12 veículos custaram R$ 320 mil, recursos do Ministério da Saúde com contrapartida do governo de Rondônia.

Fonte - assessoria

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.