News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Sexta-Feira, 26 de Fevereiro de 2021

DOCENTES DA UNIR REALIZAM EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA NA USP

A abertura da exposição contará com a participação do professor francês Hervè Théry, que desenvolveu sua pesquisa de doutoramento com a temática das migrações em Rondônia
Quarta-Feira, 23 de Setembro de 2015 - 15:59

Acontece de 5 a 16 de outubro de 2015, no auditório da Faculdade de Educação da Universidade São Paulo (USP), a exposição fotográfica  “Memória das Escolas da Floresta Amazônica em Rondônia: o imaginário, o poético e a história”. O trabalho é resultado de uma pesquisa de cooperação científica e intercâmbio cultural e científico realizada por pesquisadores da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR) e da USP.

 

Os professores da UNIR que participaram da pesquisa foram a doutora Rosângela Aparecida Hilário, do Departamento de Ciências da Educação do campus de Porto Velho, e o mestre Ederson Lauri Leandro, do Departamento de Ciências da Educação do Campus de Ariquemes. O projeto contou com a coordenação das professoras doutoras Nidia Nacib Ponstuschka e Sonia Kruppa, docentes da Faculdade de Educação da USP.

A abertura da exposição contará com a participação do professor francês Hervè Théry, que desenvolveu sua pesquisa de doutoramento com a temática das migrações em Rondônia. Durante a exposição, acontecerá  também palestra e debate sobre o percurso da pesquisa, devendo ser feita inscrição prévia para participação e certificação.

A pesquisa que deu origem à exposição fotográfica foi desenvolvida nas escolas rurais dos municípios de Cacoal e Vilhena, em Rondônia. A professora Rosângela Hilário explica que, por meio da pesquisa de campo, foi possível verificar os acervos escolares e ouvir as narrativas das professoras migrantes que iniciaram as primeiras práticas pedagógicas na zona rural e as memórias das comunidades. Além de pesquisar o desenvolvimento dos espaços por meio de fotos “que registraram as migrações, as intervenções do homem na floresta, o crescimento desordenado, a esperança de melhores dias depositada em uma escola, que a primeira vista parecia acanhada, mas se agigantava diante das expectativas da comunidade”, declarou a professora.

Segundo os organizadores, a exposição fotográfica tem a intenção de apresentar a historicidade dos imigrantes que povoaram o Estado de Rondônia em seus vários momentos econômicos, desde o início do século XX até o presente, e exigiram por meio dos movimentos sociais o direito de ter uma terra para plantar, espaço para expor seus saberes e aprender novos.

“O registro das narrativas destes sujeitos, os rituais de ir para a escola, a importância dos rios para vivência e sobrevivência, as vulnerabilidades, contradições e a importância das Escolas da Floresta, o inventário de bens; os componentes necessários para sua estrutura e conteúdos dialogam com os olhares que a máquina fotográfica captou e produziu, traduzindo sujeitos e objetos ao longo do tempo e em seu momento atual, fazendo o percurso da memória para a história”, concluiu Hilário.

 

SERVIÇO

Evento: Exposição Memória das Escolas da Floresta Amazônica em Rondônia: o imaginário, o poético e a história

Data: de 5 a 16/10/2015

Local: Auditório da Faculdade de Educação da Universidade São Paulo - Avenida da Universidade, 308, Butantã, São Paulo.

Fonte - Ascom - UNIR

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.