News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2021

'SÓ NÃO VOU PAGAR PENSÃO ÁS MÃES, EU QUERO PAGAR AOS FILHOS', DIZ LATINO

O músico encerrou o assunto dizendo que "se é para pagar [a pensão], paguei, mas me senti prejudicado".
Sabado, 12 de Setembro de 2015 - 09:32

Latino se manifestou em entrevista exibida na tarde desta sexta-feira (11) sobre o processo por falta de pagamento da pensão alimentícia e se defendeu ao dizer que "nunca deixou de pagá-la". Pai de 8 filhos em relacionamentos distintos, o cantor acusou pelo menos três ex-mulheres de "pedirem uma grana exorbitante, não para os filhos e sim para elas".

"Justiça é muito complicada, né? Cada juiz pensa de uma forma diferente. Às vezes eles querem que você se vire em uma grana em 24 horas. Calma aí, como eu vou arrumar um dinheiro em 24 horas? Calma! E é difícil explicar isso", disse o cantor, em entrevista à TV Mirante, afiliada da TV Globo no Maranhão.

"Eu nunca deixei de pagar pensão, eu só não vou pagar para as mães, eu vou pagar para os filhos. E muitas delas acham que eu tenho que sustentá-las até hoje. Eu não tenho envolvimento com elas. Foi um caso, uma situação que teve, a gente teve um filho e estou arcando as minhas responsabilidades como homem, como pai. E muitas delas acabam confundindo a situação e pedem uma grana exorbitante. E aí fica essa briga, essa confusão toda na Justiça. Briga com ex-mulheres é sempre complicada. Pelo menos três [delas] me dão trabalho", disparou.

O músico encerrou o assunto dizendo que "se é para pagar [a pensão], paguei, mas me senti prejudicado".

Latino conseguiu evitar que fosse preso por falta de pagamento de pensão alimentícia na manhã desta quinta-feira, depois de fazer um acordo com a mãe de sua filha de 2 anos e 9 meses. O cantor disse que a dívida total seria de R$ 450 mil e que conseguiu parcelá-la em 4 vezes. A prisão havia sido decretada pela Justiça de São Paulo na terça-feira.

Em contato com a reportagem do UOL, o advogado Fernando Abrahão, que representa a empresária Gláucia Roberta de Souza, mãe da criança, confirmou o acordo com Latino, mas em duas parcelas. "Fizemos um acordo, sim, e dividimos o valor devido em duas vezes. A primeira parte foi paga na hora e a segunda deverá ser paga no próximo dia 18. O pedido de prisão está suspenso, mas caso o pagamento não aconteça, podemos voltar com ação", explicou Fernando.

O UOL apurou que a quantia que motivou o decreto de prisão é de cerca de R$ 150 mil e se refere apenas ao período entre setembro de 2014 e setembro de 2015. Já o valor total da ação -- que considera o período desde o nascimento da filha, já que Latino nunca pagou a pensão -- não é divulgado porque corre em segredo de Justiça. Latino pagou R$ 75 mil nesta quinta-feira.

No mês de agosto, o cantor realizou um pagamento de R$ 30 mil, referentes às pensões de junho, julho e agosto de 2014.

O advogado de Gláucia revelou que Latino reconheceu a paternidade depois de um teste de DNA feito meses antes do nascimento do bebê. Ele disse também que a cliente entrou com uma ação em abril do ano passado, mas a Justiça "não conseguia notificar o Latino para pagar essa dívida". Além da menina, o cantor é pai de sete filhos.

Fonte - bol

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.