News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021

ENFIM, UMA A플O DE LIMPEZA CONTRA O GARIMPO ILEGAL

Quanto o mercrio despejado no rio Madeira tiver destrudo o meio ambiente, causado mortandade de peixes e contaminado m,ilhares de pessoas, ser que as autoridades vo comear a fiscalizar o garimpo ilegal?
Sexta-Feira, 11 de Setembro de 2015 - 08:07

Uffffaaaa! Finalmente temos o que comemorar, em relação às ações de nossas autoridades. Poucas horas depois que esta coluna denunciou (outra vez!) a vergonhosa invasão do rio Madeira, em trecho de proteção ambiental, por dezenas de balsas e dragas, uma grande operação foi realizada, com a participação de pelo menos uma centena de homens. Uniram-se Marinha, Polícia Ambiental, Polícia Militar, Polícia Federal, Polícia Civil, Ministério Público, para fazer uma “limpeza” no rio, desde a altura da hidrelétrica de Santo Antonio até a curva do rio depois da ponte sobre o rio Madeira, num total de mais de 20 quilômetros. Dali foram retiradas 182 dragas e balsas. Cada draga pagará 300 mil reais de multa, por danos ambientais. Cada balsa, pagará 150 mil. Dezenas de garimpeiros ilegais foram presos. Drogas e armas foram apreendidas, os materiais todos recolhidos e as balsas e dragas levadas para um depósito de onde não poderão mais ser retiradas. A “Operação Azougue” – nome vulgar do mercúrio – tem tudo a ver com o caso. O mercúrio estava sendo jogado na água do Madeira, um rio já tão tragicamente atingido nos anos 70, causando imensos danos, já que seria absorvido pela natureza apenas daqui a mais ou menos 200 anos.

Não se pode impedir nem proibir a garimpagem. Ela é, como toda a profissão, merecedora de respeito, desde que feita dentro das normais legais. Mas também não se pode aceitar que a legislação seja ignorada de forma tão acintosa como estava, numa Área de Proteção Ambiental, muito perto do centro de uma Capital de Estado. A garimpagem ilegal estava rindo da cara das nossas autoridades. A resposta à altura foi dada. Quando os barcos e até um helicóptero utilizados na operação começaram a vasculhar o rio, houve uma sensação de que, enfim, ainda temos quem nos defenda!

CONTRA O POVO

A violência, a criminalidade, o crime organizado, a bandidagem livre e solta, continua praticando todos os tipos de atos violentos contra a comunidade rondoniense. O último desses fatos terríveis aconteceu nesta semana, em Tarilândia, distrito de Jaru. Bandidos certamente a mando de alguém, incendiaram seis ônibus escolares, impedindo que milhares de estudantes tivessem acesso ás escolas da região. É claro que por trás disso há alguma história tenebrosa, se um dia for descoberta a verdadeira razão do atentado. Mas, no final das contas, é o crime organizado desorganizando a vida da sociedade. Tomara que todos esses criminosos apodreçam na cadeia.

PURA INVENÇÃO!

A comicidade de algumas coisas nas redes sociais chega a estratosfera, de vez em quando. Nesta semana, apareceu uma foto, replicada algumas vezes, com uma fila imensa de ônibus zero quilômetro, limpinhos, como se fossem os que vão vir para Porto Velho. Essa gente é realmente criativa! A foto é antiga tirada de um site de transporte da internet e, é claro, nada tem a ver com o transporte coletivo da Capital. Mas não adiantou muito. Nove e meio em cada dez pessoas que viram a tal foto, não acreditaram que a informação pudesse ser verdadeira. O meio por cento é composto por idiotas facebuqueanos....

GUERRA NA ZONA LESTE

Clima de guerra, na noite desta quinta, na  zona leste da Capital. Moradores da invasão conhecida como Bairro Universitário, porque fica próximo à Uniron, da avenida Mamoré, estão prestes a perderem suas casas, por decisão judicial, que determinou reintegração de posse, incendiaram pneus e madeiras e fecharam as duas mãos da avenida. Estudantes do noturno da Uniron se viram no meio da confusão, já que não tinham como sair da faculdade. Estado e Prefeitura tentaram intermediar uma saída negociada para a área invadida, mas nada deu certo. A reintegração deve ser cumprida nesta segunda, dia 14. .

VAGABUNDOS E LADRÕES

Enquanto o Tribunal de Contas do Estado continua empacando a volta das obras do Espaço Alternativo, contrariando todo o bom senso e até orientações do próprio Ministério Público (ou seja, o TCE continua punindo unicamente a população), os ladrões continuam agindo no local, nas madrugadas. Agora, estão roubando fios de energia, deixando trechos sem iluminação. A Prefeitura tem reposto as luzes sempre que possível, mas o círculo vicioso já se estende por meses. Como não há policiamento constante no local, vagabundos e ladrões ficam a vontade para agir...

IMPEACHMENT ANDANDO

A quinta-feira marcou um momento considerado importante para as oposições, que estão loucas pelo impeachment da Presidente Dilma. Até aliados de até há pouco tempo participaram do movimento. A intenção do grupo que lançou a campanha pelo impedimento da Presidente, é de usar o pedido feito por um dos fundadores do PT, o jurista Hélio  Bicudo, que apontou motivos bastante fortes para defenestrar a representante do partido do comando do país. Seria logicamente uma ironia daquelas inesquecíveis. O último Presidente que perdeu o mandato foi Collor de Mello, acusado de corrupção. Faz 23 anos...

PERGUNTINHA

Quanto o mercúrio despejado no rio Madeira tiver destruído o meio ambiente, causado mortandade de peixes e contaminado m,ilhares de pessoas, será que as autoridades vão começar a fiscalizar o garimpo ilegal?

Fonte - Srgio Pires - Opinio de Primeira

Comentarios

News Poltica

News Polcia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.