News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021

PÍLULA DO DIA SEGUINTE É BOMBA HORMONAL QUE PODE PROVOCAR VÔMITO E DOR DE CABEÇA

Em alguns casos, pode provocar retenção de líquidos, dores de cabeça, náuseas e a “menina pode até vomitar o anticoncepcional, invalidando o processo”
Sexta-Feira, 04 de Setembro de 2015 - 08:56

Se a camisinha furou ou você se esqueceu de tomar a pílula tradicional, a pílula do dia seguinte pode ser utilizada como método contraceptivo de emergência. Mas saiba que você deve usar apenas em último caso, pois é uma bomba de hormônio no corpo da mulher e pode provocar efeitos colaterais.

A ginecologista e obstetra Flávia Fairbanks, especialista em sexualidade humana pela FMUSP, explica que a pílula do dia seguinte tem alta dose de progesterona, hormônio da TPM, e, portanto, mexe com o metabolismo da mulher. Então, em alguns casos, pode provocar retenção de líquidos, dores de cabeça, náuseas e a “menina pode até vomitar o anticoncepcional, invalidando o processo”.

— Às vezes, provoca até atraso na menstruação, que poderá vir uma semana antes ou uma semana depois da data prevista. E tudo que a mulher mais quer depois do que aconteceu é menstruar, não é mesmo?

É importante também alertar que a pílula do dia seguinte não tem a mesma eficácia do anticoncepcional tradicional. Enquanto o primeiro previne 95% dos casos, o segundo chega a 99,3%, diz Flávia ao Saúde sem Neura.

Quem precisa realmente tomar, Flávia diz que o medicamento pode ser tomado em até três dias após a relação sexual, “mas quanto antes melhor”. Segundo a especialista, nas 24 horas seguintes, a pílula previne 95%; após 48 horas a proteção cai para 76% e em 72 horas fica em 58%.

Não há contraindicação para o uso e vale lembrar que esse método não é abortivo.

Se você quer prevenir mesmo gravidez, a dica é: converse com seu médico e encontre o melhor método anticoncepcional para você!

Fonte - r7

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.