News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Domingo, 07 de Março de 2021

LENHA NA FOGUEIRA: FINA FLOR DO SAMBA

Os Esquentando os Tamborins termina nesta sexta-feira 04, com a apresentação da escola de samba Acadêmicos do São João Batista no Mercado Cultural, dentro do Projeto A Fina Flor do Samba.
Quinta-Feira, 03 de Setembro de 2015 - 11:46

Na última segunda-feira 31, o carnavalesco Antonio Chagas Campo foi eleito vice presidente da Federação das Escolas de Samba de Rondônia – Fesec.


Cabeleira como é conhecido o baluarte do carnaval de Porto Velho, concorreu com o mestre de bateria Silfarney Silva ao cargo que estava sem titular a algum tempo.


Representantes de todas as escolas de samba filiadas compareceram a reunião, que aconteceu na sala Príncipe da Beira da Casa da Cultura Ivan Marrocos durante aquela noite.


Cabeleira foi eleito com larga vantagem já que obteve 13 fotos e o Silfarney apenas 4 dos 18 votos possível. Um eleitor votou em branco.


A direção da Fesec está pleiteando junto a Funcultural de Porto Velho a liberação de recursos para que as escolas de samba montem seus enredos para os desfiles do próximo carnaval.


Antes da negociação dos desfiles a Funcultural se propôs a passar determinado valor às escolas de samba, desde que as mesmas concordassem em se apresentar no Projeto “Esquentando os Tamborins” coordenado pela Fesec e “Não Deixe o Samba Morrer” da própria Funcultural.


Os Esquentando os Tamborins termina nesta sexta-feira 04, com a apresentação da escola de samba Acadêmicos do São João Batista no Mercado Cultural, dentro do Projeto A Fina Flor do Samba.


Já o “Não Deixe o Samba Morrer” está programado para acontecer no final de outubro em local a ser definido. No dia do show é pretensão da direção da Funcultural, repassar os recursos prometidos para o Projeto Esquentando os Tamborins.


Se pelo menos os recursos do Esquentando sair, já dar para começar a se pensar na montagem dos enredos das escolas para o carnaval do próximo ano. Acontece que o pessoal da Funcultural, anda falando que, em virtude da CPI dos shows, não pode realizar nenhuma repasse. Isso é conversa pra boi dormir.


Se CPI impedisse alguma coisa, o Brasil estaria mais parado do que está. O campeonato brasileiros de futebol não estaria acontecendo assim como muitas outras ações não estariam acontecendo.


A CPI dos shows não impede a prefeitura de realizar nenhum evento, desde que seja tudo dentro da Lei. O resto é conversa fiada.


Mesmo assim o pessoal das escolas de samba está acreditando, que em 2016 os desfiles aconteçam.


A Diplomatas já lançou o samba de enredo assim como a Asfaltão que escolheu seu hino sábado passado. A São João Batista que vai se apresentar amanhã no Mercado Cultural, dizem nos bastidores, que vai lançar o samba para 2016.


Quer dizer, ta todo mundo na balada do enredo da escola Asfaltão “Não sei se é sonho, utopia ou ilusão. Vou cumprir minha missão”.


Falamos muito sobre o concurso de samba enredo da escola Asfaltão e esquecemos de divulgar, que na mesma festa que elegeu o samba que provavelmente vai ser cantado pela escola no carnaval de 2016, a Meira entregou a Faixa de Rainha da Bateria “Pura Raça” para a jovem miss Rondônia Isabela Marinho.


Então veja a foto da Isabela Marinho já como Rainha da Bateria da escola de samba Asfaltão. “É pura raça de sambista” 

Fonte - Zé Katraca

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.