News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Domingo, 17 de Janeiro de 2021

PREFEITURA DE PORTO VELHO CONTRATA NOVOS MÉDICOS

Hoje, com muita satisfação, estamos incorporando mais oito médicos ao nosso corpo de servidores”, disse o secretário.
Quinta-Feira, 13 de Agosto de 2015 - 08:17

Os secretários municipais de Administração (Semad), Mário Medeiros, e da Saúde (Semusa), Domingos Sávio, assinaram a contratação de oito médicos e também de diversos outros profissionais convocados dos concursos de 2011 e de outros concursos mais recentes. O ato se deu na manhã desta quarta-feira (12), na sede da Semad.

Sávio explicou que os oito profissionais médicos estão sendo contratados em substituição aos contratos temporários, já vencidos. Mediante a decisão do Tribunal de Contas do Estado (TCE), de que a Prefeitura promovesse a substituição de todos os temporários, o prefeito de Porto Velho, Mauro Nazif, determinou a abertura de novo concurso para médicos, de forma que os profissionais contratados nesta quarta-feira são provenientes desse último certame.

Também foram contratados operadores e motoristas de máquinas pesadas, técnicos de enfermagem e outros profissionais, a fim de que se possam substituir plantões extras por trabalhos contratados. “A ordem do prefeito é a de recompor as equipes do programa Saúde da Família, os profissionais das duas UPAs e os profissionais da Maternidade Municipal. Vamos reduzir pagamentos por plantões extras e gerar mais emprego e renda no município. O concurso de 2011 vence em fevereiro de 2016, de forma que mediante as necessidades estaremos convocando os concursados”, disse o secretário.

Apesar das dificuldades orçamentárias e financeiras, o Município está conseguindo contratar profissionais e gerar emprego e renda em Porto Velho. Ao todo, noventa e dois médicos deverão ser contratados. “Há dois anos, pagávamos uma média de dois milhões e meio com plantões extras, hoje, já estamos desembolsando menos que setecentos mil reais com os plantões. Até fevereiro do próximo ano, somente os casos de férias, licença médica e licença prêmio deverão motivar os pagamentos com plantão extra”, afirmou Domingos Sávio.

Entre os médicos convocados, estão sendo contratados médicos pediatras, obstetras e clínicos gerais. Contudo, profissionais de todas as categorias podem ser convocados. “Não estamos priorizando apenas uma categoria, todas aquelas que se mostrarem necessárias para a reorganização do sistema de saúde do município serão convocadas”, observou Domingos Sávio.

O secretário Medeiros frisou que todos os que forem convocados, na medida em que se apresentem poderão assinar a contratação. As posses de novos médicos vêm acontecendo diariamente e continuarão, até que se completem as noventa e duas vagas emergenciais. Concomitantemente, motoristas e operadores de máquinas pesadas, concursados para a Semob, Semagric e Semusb, também vêm sendo empossados.

Da mesma forma, os demais técnicos que apresentarem a documentação exigida, a fim de suprir imediatamente as vacâncias dos contratos temporários encerrados, serão logo contratados. “Houve recentes reclamações acerca de pouca oferta de mão de obra em unidades de saúde, por causa do encerramento dos contratos temporários, mas é preciso esclarecer que a solução não depende apenas da Prefeitura. Muitos concursados estão sendo convocados, mas alguns demoram em apresentar a documentação necessária. Eles têm prazo de trinta dias para isso, mas muitos pedem mais trinta dias de prazo para tomarem posse. Isso lhes é de fato facultável, segundo a legislação. Por isso, alguns cargos ficam vagos tendo em vista que o contratado emergencial já deixou o cargo. Ao invés de esperar que todos sejam empossados num mesmo dia, estamos realizando as contratações na medida em que os concursados se apresentam. Hoje, com muita satisfação, estamos incorporando mais oito médicos ao nosso corpo de servidores”, disse o secretário.

Fonte - assessoria - pmpv

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.