News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2021

CONSELHO DE ESTADO COMEÇA A TER RESULTADOS CONCRETOS

Nenhuma fonte confirmou oficialmente a pauta discutida, mas outros temas relevantes, relacionados com a situação atual do Estado e do País estiveram na mesa de discussões.
Quarta-Feira, 05 de Agosto de 2015 - 08:17

O governador Confúcio Moura presidiu, nesta segunda, um encontro histórico em seu gabinete. Na mesma mesa, representantes dos demais poderes (Assembleia, TJ, Tribunal de Contas, MPE e Defensoria), debateram durante horas uma série de problemas, relacionados com a crise que se está atacando o país, mas principalmente com a questão do orçamento do Estado. Realizada a portas fechadíssima, inclusive sem acesso sequer a imagens de TV), o grupo forma o que está sendo denominado de Conselho de Estado e, pela primeira vez, reuniu todos os representantes dos principais poderes. Foi um evento que pode marcar a história atual de Rondônia, porque as questões começam a ser discutidas por todos os que, na prática, têm a missão de conduzir nossos destinos. O acordo sobre o orçamento também é inédito. Depois de longos debates, ficou acertada uma fórmula (guardada a sete chaves), que agradou aos membros dos poderes e ao governo, coisa que até agora era impossível de se pensar. Nenhuma fonte confirmou oficialmente a pauta discutida, mas outros temas relevantes, relacionados com a situação atual do Estado e do País estiveram na mesa de discussões.

Já houve dois encontros anteriores, deste Conselho de Estado que começa a tomar forma. Mas pela primeira vez, todos os poderes estiveram representados e sentados à mesa de conversações. Além de Confúcio, participaram o desembargador Rowilson Teixeira, presidente do Tribunal de Justiça; o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Maurão de Carvalho; os conselheiros Paulo Curi e Edilson de Sousa Silva, do Tribunal de Contas do Estado; o dr, Airton Pedro Marin Filho, comandante do Ministério Público estadual e o dr. Marcos, da Defensoria Pública, além de secretários estaduais. Ao que parece, todos saíram do encontro falando a mesma linguagem...

DESCULPA ESFARRAPADA

Enquanto alguns frigoríficos que querem dominar o mercado fecham suas portas alegando que não há matéria prima suficiente, os números desmentem completamente essa absurda versão. Só neste ano, as mais de 13 milhões e 500 mil cabeças de gado do Estado vão fornecer mais de meio milhão de toneladas de carne da melhor qualidade, exportada para países como Estados Unidos, Rússia e vários países europeus. Ou seja, os frigoríficos que estão demitindo em massa, porque não lhes é permitida a criação de cartel, terão que arrumar outro argumento. Essa de que não há matéria primeira é mais que a famosa desculpa esfarrapada.

TUCANOS REFORÇADOS

Os tucanos no Estado andam reforçando o ninho, com nomes importantes. Nesta semana, o presidente regional Expedito Júnior conseguiu adesões das mais respeitadas. Uma delas, a do ex prefeito de Nova Brasilândia, Silas Borges. Na Capital, o ex secretário municipal Ocampo Fernandes confirmou seu ingresso no partido. Um Donadon, do Cone Sul, também está no PSDB. É Júnior Donadon, que deixa o PMDB.  Outro ex prefeito, José Walter, de Alvorada, é outra conquista. Entre as novas caras da política, destaca-se a vereadora Scheila Cassol, de Pimenta Bueno.

IMPUNIDADE TOTAL

Baderna total. No inglês claro: esculhambation! Zona absoluta. É assim que continua agindo, impunemente, lideranças do MST neste país, sem qualquer reação das autoridades responsáveis. A Polícia Federal só age mesmo em casos como o que ocorreram em Ji-Paraná, essa semana, quando centenas de membros do grupo, que foram apenas para encher o saco, já que não tinham reivindicações claras, acabaram atacando o prédio da receita federal. A PF teve que agir com rigor e ainda pediu ajuda da PM, já que sozinha não daria conta. Mas quando esses criminosos invadem as terras alheias, aí ninguém faz nada...

GAÚCHOS SEM SAÍDA

Tarso Genro, do PT, aumentou o salário regional em 20%, numa inflação de 6%. Aumentou os gastos com cargos de confiança em 70%. Contratou centenas de funcionários concursados, mesmo sabendo que não teria como pagar.  Aumentou para 7 bilhões de reais a dívida real do Rio Grande do Sul. Fez uma série de bondades com o chapéu alheio e enterrou um dos estados mais ricos do país. Com tudo isso perdeu a eleição e seu sucessor, José Ivo Sartori, está sem saída. Os gaúchos vivem a maior crise da sua história recente.Com salários parcelados, o funcionalismo parou.

AMPLA MAIORIA

A  Assembleia Legislativa retornou às suas atividades normais, sob o comando de Maurão de Carvalho, com pauta repleta de projetos importantes e muitos temas de interesse do Estado e sua população. O vice governador Daniel Pereira prestigiou a primeira sessão e o deputado Léo Moraes fez a saudação em nome dos seus pares. O discurso forte da oposição veio do ex presidente Hermínio Coelho, sempre duro no palavreado contra o governo. Por enquanto, contudo, ele é uma das poucas vozes contrárias ao Executivo. O governo tem ampla maioria no parlamento e a tendência é que assim se mantenha nesta legislatura.

PERGUNTINHA

Com a clara decadência do futebol brasileiro nos dias de hoje, como nossa Seleção conseguirá se classificar para a Copa do Mundo de 1918?

Fonte - Sergio Pires

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.