News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 01 de Dezembro de 2020

SEMUSA DÁ INÍCIO À CAMPANHA DE ENFRENTAMENTO DAS HEPATITES VIRAIS EM PORTO VELHO

A solenidade aconteceu no Teatro Banzeiro, localizado no centro da capital, às 9h, com a presença do secretário municipal de saúde, secretário adjunto, representante do Ministério da Saúde diretores de unidades de saúde de Porto Velho e coordenadores das redes municipal e estadual.
Terça-Feira, 28 de Julho de 2015 - 13:33

Nesta segunda-feira, 27 de julho, a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) deu início à Campanha de Enfrentamento das Hepatites Virais no município de Porto Velho. A solenidade aconteceu no Teatro Banzeiro, localizado no centro da capital, às 9h, com a presença do secretário municipal de saúde, secretário adjunto, representante do Ministério da Saúde diretores de unidades de saúde de Porto Velho e coordenadores das redes municipal e estadual.

 

A campanha é alusiva ao Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais, que acontece no dia 28 de julho, e busca oferecer subsídios que contribuam para a prevenção, controle e diagnóstico das hepatites virais, tais como a confecção e distribuição de materiais educativos informativos, oferta de diagnóstico precoce por meio da realização de testes rápidos das hepatites e aumento da cobertura vacinal para as hepatites A e B nas Unidades de Saúde da Família de Porto Velho.

Durante seu discurso, o secretário Domingos enfatizou a evolução que o disgnóstico e tratamento das hepatites virais tiveram nos últimos anos, especialmente com a chegada dos testes rápidos e medicamentos mais eficientes. Ele destacou que atualmente as chances de cura já chegam a 90% dos casos, desde que a doença seja detectada precocemente. Contudo, a prevenção contínua sendo a melhor maneira de combater o avanço dessas doenças.

As hepatites virais A e E são transmitidas pela via fecal-oral e estão relacionadas às condições de saneamento básico, higiene pessoal, qualidade da água e dos alimentos. Já as hepatites virais B, C e D são transmitidas pelo sangue e por relações sexuais sem uso de preservativo. No município de Porto Velho, segundo dados parciais do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), entre os anos de 1999 e 2014 foram notificados 2576 casos de Hepatites Virais. Sendo 733 por Vírus da hepatite A; 1172 por Vírus da hepatite B; 529 por Vírus da hepatite C; 95 infectados simultaneamente pelas hepatites B e D (ou Delta); e 47 pelas hepatites B e C.

Fonte - comunicação pmpv

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.