News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Sabado, 28 de Novembro de 2020

SEMAS VISITA COMUNIDADE CAVALCANTE E FAZ LEVANTAMENTO DAS NECESSIDADES

comunidade Cavalcante, no Baixo Madeira, com o objetivo de conhecer a realidade in loco de como está vivendo aquela comunidade e fazer um levantamento das necessidades dos moradores que possam ser atendidas pelo poder público.
Sexta-Feira, 24 de Julho de 2015 - 13:53

O secretário municipal de Assistência Social - Semas, Daniel Vieira, o secretário adjunto municipal da Educação – Semed, Milton Porfírio Alves, técnicos da Secretaria de Estado de Assistência Social – Seas, com apoio do Corpo de Bombeiros sob o comando do Tenente Adir Priohl, em missão conjunta,   visitaram a comunidade Cavalcante, no Baixo Madeira,  com o objetivo de conhecer a realidade in loco de como está vivendo aquela comunidade e fazer um levantamento das  necessidades dos moradores  que possam ser atendidas pelo poder público.

 

A comunidade Cavalcante está localizada, saindo do distrito de São Carlos,  a 30 minutos de barco tipo voadeira,  à margem direita.  A comunidade foi formada a partir de desabrigados pela grande enchente de 2014 das localidades de Terra Caída e Curicaca que ficam situadas à margem esquerda do Rio Madeira. O local foi escolhido por ser uma área de terra firme, como chama o caboclo amazônico, o local de terras aonde as águas da enchente não chegam.

Cavalcante é formada por aproximadamente 170 famílias, vivem da pesca e  de uma pequena agricultura de subsistência. O secretário Daniel Vieira assessorado pela  Chefe do Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família – Paif  da Semas, Margareth Luz, conversaram com o vice-presidente da Associação dos Moradores da Comunidade Cavalcante, Gabriel Quito da Silva e com vários moradores levantando dados e analisando a realidade do local para planejar a forma de auxiliar e apoiar os moradores em suas necessidades.

“A partir da realidade que presenciamos e do que nos foi reivindicado pela comunidade Cavalcante vamos analisar e planejar para dar o suporte necessário, que for possível, cada um fazendo a sua parte,  para que aqueles moradores,  que estão começando a formar uma localidade,  possam começar de forma organizada e assim avançar com ajuda do poder público para uma melhor qualidade de vida”, disse o secretário Daniel Vieira.

Fonte - comunicação pmpv

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.