News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Segunda-Feira, 30 de Novembro de 2020

TRANSPORTE PÚBLICO: DEPUTADO CHAMA NAZIF DE COVARDE

Motoristas e cobradores de ônibus não acreditam nas promessas do prefeito e mantém movimento
Sexta-Feira, 10 de Julho de 2015 - 20:02

O prefeito Mauro Nazif convocou entrevista coletiva da imprensa nesta sexta-feira (10 de julho), para falar exclusivamente sobre o  movimento dos taxistas, mototaxistas, motoristas e cobradores de ônibus, que acontece desde o último dia 08 de julho. Discurso pronto, o prefeito tentou desclassificar o movimento e repetiu a promessa de garantia de emprego. Mas os trabalhadores reagiram indignados ao serem informados não existir nada concreto, nenhum documento formal assegurando o emprego de 1.200 profissionais, quando da entrada da nova permissionária do transporte coletivo urbano de Porto Velho.

Na parte da noite, aconteceu uma reunião no pátio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes de Porto Velho, com os motoristas e cobradores de ônibus, e que contou com as participações de alguns vereadores, e do deputado estadual Hermínio Coelho. Inicialmente o vereador Everaldo Fogaça fez um relato da entrevista coletiva de imprensa do prefeito Nazif.

Para o deputado Hermínio Coelho, o prefeito Mauro Nazif é um mentiroso e covarde, e, além disso, desrespeitou a categoria, ao chamar o movimento dos trabalhadores de agressivo, de provocar transtornos e de desrespeitar decisão judicial. Para o deputado, o prefeito decretou a caducidade das atuais empresas de ônibus, se aventurou em um chamamento público para nova concessão, e acabou por criar um grande “rolo”, pois quem acabará pagando a conta será o pequeno, o trabalhador.

De acordo com o deputado Hermínio Coelho, o prefeito quando indagado se existia algum documento assegurando o emprego de 1200 trabalhadores, preferiu invocar seu passado político, demonstrando de forma concreta que a ameaça de desemprego é real. “Não existe nenhum documento, é só promessa”, observou.

Outro aspecto que demonstra o ato covarde do prefeito, no entendimento do parlamentar, diz respeito a resposta de Nazif com relação a pergunta referente ao pagamento das rescisões contratuais destes trabalhadores. “Na realidade Nazif fez igual a Pilatos, lavou as mãos, e com suas próprias palavras diz ser este um problema dos trabalhadores e das empresas, tentando se eximir desta forma de qualquer responsabilidade”, ressaltou.

O deputado afirmou aos trabalhadores presentes à reunião da necessidade de união, visando garantir os direitos dos taxistas e mototaxistas com relação a hereditariedade da concessão de placas, bem como, desenvolver todos os esforços no sentido de assegurar o emprego de 1200 trabalhadores do transporte coletivo, e o pagamento de suas respectivas rescisões contratuais. “Não podemos admitir simplesmente que ocorra demissões em massa, calote de trabalhadores, decisões judiciais favoráveis, mas o pagamento é incerto, e levar-se décadas para receber o que é de direito”, complementou o deputado.

Ficou acertada uma grande manifestação para a próxima segunda-feira (13 de julho), às 15 horas na Câmara Municipal de Vereadores. Hermínio Coelho reafirmou que o prefeito não assegurou absolutamente nada de concreto ate agora aos cobradores e motoristas de ônibus.

Fonte - assessoria

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.