News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020

HERMÍNIO COELHO É CONTRA REFORMA ADMINISTRATIVA

Parlamentar afirma que governo quer aprovar mudanças rapidamente para evitar discussão
Quarta-Feira, 01 de Julho de 2015 - 08:53

O deputado Hermínio Coelho (PSD) criticou nesta terça-feira (30), durante sessão plenária da Assembleia Legislativa, a forma como o governador Confúcio Moura (PMDB) quer aprovar o projeto de reforma administrativa do governo o Estado, não dando tempo para uma análise mais profunda. Segundo ele, o caráter de urgência invocado pelo governo é uma forma de pressão para que o projeto não seja devidamente analisado e discutido inclusive com outros segmentos da sociedade.

De acordo com o deputado Hermínio Coelho, o que se observa é que o governo do Estado “está capenga de planejamento, está sem rumo, e o encaminhamento de sucessivos projetos de reforma administrativa vem confirmar a bagunça generalizada em que se encontra a administração estadual”.

Ainda de acordo com o deputado Hermínio Coelho, para aprovar de qualquer jeito o projeto de reforma administrativa, o governo faz manobra, ao sinalizar para uma provável convocação de sessão extraordinária da Assembleia Legislativa para apreciar em regime de urgência a tal reforma administrativa.

“O governo do Estado não tem comando. Pessoas despreparadas estão ocupando cargos de gestão. O governador não sabe nem o que consta nesta reforma administrativa”, afirmou o parlamentar.

Segundo o deputado, o Estado está “quebrado e o governador Confúcio Moura afundou Rondônia, ao promover um endividamento astronômico, superior a R$ 2 bilhões, cujo montante já foi para o ralo e as obras não existem”.

Ao concluir, disse Hermínio Coelho que se esta reforma administrativa for aprovada na Assembleia Legislativa, ele recorrerá ao Tribunal de Justiça, “diante dos absurdos existentes e a farra de cargos”.

Fonte - ale/ro - decom

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.