News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 01 de Dezembro de 2020

MOVIMENTO NEGRO DIVULGA AUDIÊNCIA SOBRE VIOLÊNCIA CONTRA JOVENS NEGROS E POBRES

Militantes do Movimento Negro estão divulgando a audiência pública sobre a violência contra jovens pobres e negros que acontece no dia 6 de julho a partir das 14h no plenário da Assembleia Legislativa do Estado.
Quarta-Feira, 24 de Junho de 2015 - 10:49

O evento integra a programação da Comissão Parlamentar de Inquérito - CPI - criada na Câmara dos Deputados para investigar as causas, bem como as consequências econômicas e sociais do aumento de mortes e desaparecimentos de jovens negros no Brasil.

A deputada Mariana Carvalho (PSDB) é a vice – presidente do colegiado e para divulgar a audiência em Rondônia está buscando a parceria de vários segmentos sociais, principalmente os envolvidos com a causa, a exemplo do Movimento Negro.

Entre os espaços da mídia que os representantes do grupo social envolvido na questão ocuparam para divulgar a iniciativa, está o programa Sala de Opinião apresentado pelo médico Aparício Carvalho na TV Porto Velho Canal Fimca, transmitido também pela Rede TV para os 52 municípios rondonienses.

Durante a entrevista, os integrantes do Movimento Negro destacaram a importância da CPI , bem como a realização da audiência pública , tendo em vista que a proposta é ouvir as vítimas da violência para depois de se firmar um pacto que visa minimizar, não apenas a violência física, mas também casos de preconceito motivados pelo racismo.

Para o professor Francisco das Chagas Silva, o debate é pertinente porque a intolerância aos negros está presente no cotidiano de quem pertence à raça. “Já deixei de ser contratado por uma escola por causa da minha cor, embora tivesse um currículo compatível com a função que permaneceu vaga”.

A psicóloga Elsie Shockness que também participou do programa, destacou que cenas como essas são resultados da cultura e citou alguns fatores que motivam essa discriminação contra os negros. “Até a indústria dos cosméticos colabora porque a maioria dos produtos para pele e cabelo se destina a pessoas brancas”.

No que tange a violência, ela declarou que cada vez mais a situação está se agravando para os jovens negros, segundo uma pesquisa que mostra o retrato da vulnerabilidade dessa faixa da população.

“Conforme dados da Anistia Internacional, é como se caísse a cada dois dias dois  aviões  lotados de jovens”, comparou Elsie , ressaltando que embora a tucana Mariana Carvalho esteja engajada nesse trabalho, a audiência  é suprapartidária porque é de interesse de toda população independentemente de partidos. “A causa é mais importante do que ideologia política”, concluiu.

Fonte - ASSESSORIA

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.