CONFÚCIO MOURA DESTACA TRABALHO DE IGREJAS E INSTITUIÇÕES QUE ATUAM NO ATENDIMENTO A DEPENDENTES QUÍMICOS

Governador Confúcio Moura abriu Semana de Enfrentamento ao Álcool e outras Drogas
Terça-Feira, 23 de Junho de 2015 - 1:10

A semana de enfrentamento ao uso de álcool e outras drogas foi aberta oficialmente na noite de segunda-feira (22) no auditório da Unopar, em Porto Velho. O evento conta com a participação de palestrantes renomados. A primeira palestra foi ministrada pelo médico especialista em psiquiatria infantil e da adolescência escritor Gustavo Teixeira, autor do Manual Antidrogas. Ele afirmou que o Brasil tem mais de cinco milhões de jovens, a partir dos 16 anos, com transtornos por uso de substância química.

Durante a abertura da semana de enfrentamento às drogas, várias autoridades fizeram uso da palavra. O secretário de Prevenção Social à Violência do Estado de Alagoas, Jardel Aderico, defende políticas mais flexíveis para tratar o dependente químico. O representante do Ministério Público Estadual, Amadeu Sikorski Filho, defende a importância da punição como forma de combater o tráfico de drogas e, consequentemente, o aumento do consumo. Ele chegou a citar a polêmica frase, que está na boca da sociedade e das instituições de repressão, “a polícia prende e a Justiça solta”.

O governador Confúcio Moura começou dizendo que, “se fosse fácil combater ou enfrentar as drogas não estaríamos aqui”; e afirmou que quem sempre cuidou e continua cuidando dos dependentes químicos são as igrejas e outras poucas entidades que fazem o acolhimento dessas pessoas.  “Não estamos aqui para substituir essas instituições que fazem um trabalho maravilhoso de recuperação dessas pessoas, mas para auxiliar, para ajudar nesse trabalho”, completou o governador.

O superintendente estadual da Promoção da Paz, Thiago Leite Flores, destacou a importância do trabalho transversal que o governo do Estado tem feito no combate às drogas. E agradeceu ao governador Confúcio Moura que em sua administração prioriza as pessoas e, nesse contexto, está a prevenção, sem esquecer o tratamento para os dependentes químicos. Thiago Flores também agradeceu aos secretários da Saúde, Williames Pimentel; e da Educação, Fátima Gavioli, pela parceria na realização dos trabalhos.

Fonte - DECOM - GOVERNO DE RONDÔNIA

Comentários

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.