AG蔔CIA IDARON NOTIFICA MAIS DE 300 PRODUTORES DE SOJA SOBRE O VAZIO SANIT罵IO

Segundo dados da Idaron, Rond鬾ia tem hoje 1.096 produtores de soja, que ocupam uma 醨ea de 211.451,22 hectares.
Segunda-Feira, 08 de Junho de 2015 - 11:45

Atenta à necessidade de proteção das áreas de plantio de soja do Estado e em obediência aos termos da Instrução Normativa 01/2013, a Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril de Rondônia (Idaron) notificou 362 produtores, determinando providências para o cumprimento das exigências legais em relação ao vazio sanitário, período de três meses para o descanso e recomposição da área, ente uma safra e outra, que ocorre entre 15 de junho a 15 de setembro.

De acordo com Rachel Barbosa da Silva, gerente de Defesa Vegetal da Idaron, até 2013 a fiscalização era feita com base na Portaria 220/09, abrangendo as áreas de cultivo propriamente ditas, sobre os restos da cultura, o chamado ”figuera” ou a sobra da lavoura, além de evitar o plantio da chamada “safrinha”.

Com o advento da Instrução Normativa 01/2013, segundo Rachel, a Idaron passou a fiscalizar também as áreas com germinação voluntária das propriedades, como as margens das rodovias, por exemplo, exigindo dos produtores de soja o controle dessas áreas, para evitar a disseminação vegetativa no período de preservação (vazio sanitário). O esforço do Governo de Rondônia visa manter o Estado livre da doença conhecida como ferrugem asiática, praga que tem atacado as lavouras do vizinho Estado do Mato Grosso.

Segundo dados da Idaron, Rondônia tem hoje 1.096 produtores de soja, que ocupam uma área de 211.451,22 hectares. Para fiscalizar esse universo de propriedades rurais à luz da Instrução Normativa 01/13, a agência rondoniense conta com 56 fiscais (cada um tem sua equipe), que além das notificações autuaram pelo menos cinco produtores na última safra (2014) por descumprimento das normas relativas ao vazio sanitário.

Rachel Barbosa disse também que está concluindo um relatório completo sobre o histórico das ações da Idaron para encaminhar à Assembleia Legislativa, em atendimento à indicação do deputado Adelino Follador, com relação ao vazio sanitário.

Fonte - DECOM

Comentários

News Pol韈ia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.