News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Quarta-Feira, 25 de Novembro de 2020

DEPUTADO JESUÍNO DIZ QUE COMANDANTE DA PM FERIU DE MORTE O REGIMENTO

De acordo com o deputado, com base no expediente enviado à Casa de Leis, o comandante-geral da PM acusa Boabaid de interferir nos trabalhos das comissões que tratam de desligamentos e demissões de policiais.
Quinta-Feira, 04 de Junho de 2015 - 16:15

O deputado Jesuíno Boabaid (PTdoB), durante sessão plenária na Assembleia Legislativa, destacou seu pronunciamento na sessão itinerante realizada em Ji-Paraná, durante o evento Rondônia Rural Show, na última semana.

Na ocasião, Jesuíno relatou que o comandante geral da Polícia Militar, coronel Fernando Prettz, enviou expediente à Presidência da Casa de Leis dizendo que o parlamentar estaria interferindo em questões da PM.

Para o deputado, o militar “feriu de morte” a hierarquia. Segundo Jesuíno Boabaid, não compete ao coronel o envio de documentos, e sim ao governador.

De acordo com o deputado, com base no expediente enviado à Casa de Leis, o comandante-geral da PM acusa Boabaid de interferir nos trabalhos das comissões que tratam de desligamentos e demissões de policiais.

“Mas o fato é que recebi denúncias e constatei que determinados policiais estão respondendo processos administrativos por conta de uma convocação que fiz ao major Frederico. É uma retaliação à minha pessoa”, declarou.

Jesuíno Boabaid pontuou os dispositivos que ele considera terem sido desrespeitados pelo coronel Prettz e explicou que os deputados são assegurados por suas prerrogativas.

“O comandante precisa lembrar que existe uma cadeia hierárquica e o chefe das polícias é o governador do Estado. O coronel jamais poderia encaminhar documentos sem autorização do chefe do Executivo. Ele passou por cima do governador”, declarou o deputado.

O parlamentar informou que pedirá expediente para tratar com o presidente Maurão de Carvalho (PP) medidas legais contra a conduta do coronel Prettz, pois, segundo Boabaid, o coronel também feriu o regimento da Casa.

“Ele ainda deve achar que eu sou soldado, mas venho lembrar o coronel que sou deputado estadual, devidamente eleito, diplomado, parceiro dessa Casa e que defendo o papel do parlamentar, que é fiscalizar e controlar. Essa é minha responsabilidade e jamais vou me eximir dela”, afirmou.

Fonte - decom/ale-ro
Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.