News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020

RÉU CONFESSO EM ESCÂNDALO DA FIFA, J. HAWILLA É PARCEIRO ANTIGO DA GLOBO E COMPROU FILIADA DA TV EM SP

Dono da Traffic, J. Hawilla comprou a TV TEM, uma cadeia de afiliadas da emissora no interior.
Sexta-Feira, 29 de Maio de 2015 - 17:51

O empresário brasileiro José Hawilla, conhecido como J. Hawilla, réu confesso no escândalo de corrupçãoenvolvendo a Fifa e diversas empresas de marketing esportivo, é um parceiro de longa data da Rede Globo de Televisão.

Sócio de Ronaldo Fenômeno no projeto do Fort Lauderdale Strikers, time da Segunda Divisão da Major League Soccer (Liga de Futebol Profissional dos Estados Unidos), o jornalista de 71 anos comprou uma cadeia de afiliadas da emissora no interior de São Paulo, conhecida como TV TEM, e possui outras ligações com a empresa carioca, como a produtora TV 7, responsável pela realização de programas como Auto Esporte e Pequenas Empresas, Grandes Negócios.

Responsável por dirigir a área de esportes da Globo em São Paulo no fim dos anos 70, Hawilla comprou a filiada da emissora, que hoje é a maior em extensão, cobrindo metade do Estado de São Paulo, em 2003, repassando, conforme declarado, 10% do negócio para a emissora, ao menos nos primeiros anos. Mais de uma década depois, a TV TEM alcança 318 municípios e 7,8 milhões de habitantes, segundo reportagem publicada pelo jornal Folha de S.Paulo. Como braço direito da rede filiada, o empresário aproveitou para montar a Rede Bom Dia, conglomerado de jornais em cidades da área coberta pela TV TEM.

Figura-chave do esquema na Fifa, Hawilla, que também comprou o jornal Diário de S. Paulo em 2009, no período em que estava na Globo, assumiu a organização e a comercialização dos direitos de TV e patrocínios da Copa América no ano de 1987. Já sua ligação comercial com a CBF veio quando Ricardo Teixeira assumiu a presidência da entidade máxima do futebol brasileiro.

A partir de 1990, quando já tinha se tornado um dos principais nomes dos bastidores esportivos do futebol brasileiro, Hawilla enfim conseguiu, por meio da Traffic, negociar diretamente com a Fifa, principal investigada pelo FBI no escândalo de corrupção.

Hawilla, que ainda gerencia a rede TV TEM e que em 2000 chegou ao ápice de sua parceria com a Fifa ao transmitir com exclusividade o Mundial de Clubes no Brasil, por meio da TV Bandeirantes, já se dispôs a devolver US$ 151 milhões (R$ 450 milhões) adquiridos de forma ilícita nas negociações envolvendo direitos de transmissões de campeonatos como Copa América e Copa do Brasil e agora aguarda as cenas dos próximos capítulos para saber se sua delação premiada é suficiente para se manter longe da cadeia.

Lembrando que, além da TV TEM, Hawilla também criou, via Traffic, um centro de treinamentos para formação de atletas na cidade de Porto Feliz, no interior de São Paulo, e um time de futebol para registrar esses novos talentos, o Desportivo Brasil.  

Fonte - r7

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.