News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 24 de Novembro de 2020

POLÍCIA CIVIL, PRENDE SUSPEITOS DE TENTATIVA DE LATROCÍNIO CONTRA OFICIAL DA PM

A ocorrência foi registrada na 2ª DP, sendo transferida à Delegacia de Patrimônio. Na terça-feira (19) o suspeito Thiago B.S., 21 anos apresentou-se naquela Especializada.
Sexta-Feira, 22 de Maio de 2015 - 11:30

Quatro dias após a tentativa de latrocínio ocorrida em frente à residência de um oficial da Polícia Militar, em Porto Velho/RO, a Polícia Civil, através da Delegacia de Patrimônio (DERFRESEF), tanto esclareceu o crime como identificou os dois suspeitos e representou pela prisão preventiva dos mesmos, os quais já estão presos.

O crime ocorreu no sábado (16/05), quando o oficial da PM fechava o portão de sua residência e foi abordado por um suposto assaltante, que através de arma de fogo e grave ameaça rendeu a vítima, levando-a para dentro da casa.

Segundos depois o comparsa do indigitado chegou ao local em uma bicicleta e os dois passaram a revirar a residência provavelmente em busca de objetos de valor. Até que encontraram uma pistola pertencente ao oficial, momento em que o identificaram como PM e efetuaram três disparos contra a vítima, com inequívoca intenção de assassiná-lo.

Em seguida, fugiram do local levando a arma de fogo do PM e dois celulares. A vítima foi socorrida a UPA da zona Leste e, depois transferida ao Hospital João Paulo II. O oficial foi atingido no tórax, mas não risco de vida.

A ocorrência foi registrada na 2ª DP, sendo transferida à Delegacia de Patrimônio. Na terça-feira (19) o suspeito Thiago B.S., 21 anos apresentou-se naquela Especializada. Durante o interrogatório ele confessou o crime e delatou seu comparsa.

Diante dos fatos os delegados José Marcos R. Farias e André Luiz T. Tizianos, que presidem o inquérito do crime em tela, representaram pela prisão preventiva dos supostos infratores, que foi deferida pelo Judiciário naquela terça-feira.

Logo após a decretação da medida cautelar, Thiago recebeu voz de prisão, sendo, após a realização dos procedimentos legais, encaminhado à Cadeia Pública, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Na quinta-feira (21) o outro suspeito, Alisson L.S., 19 anos, também se apresentou na Delegacia de Patrimônio em companhia de seu advogado. Após o interrogatório, o indigitado recebeu voz de prisão e, também, foi conduzido ao presídio local.


 

Fonte - ASSESSORIA - PCRO
Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.