GOVERNO INICIA CADASTRAMENTO DE FAMÍLIAS DE SERINGUEIRAS PARA REGULARIZAÇÃO DE IMÓVEIS

Sexta-Feira, 15 de Maio de 2015 - 11:53
Vamos trabalhar firme até finalizar a entrega de todos os títulos”, disse o prefeito de Seringueiras.

A dona de casa Vera Lúcia foi uma das primeiras a chegar ao lançamento do Título Já, em Seringueiras, onde vive há duas décadas. “Quando soube que iria começar o cadastro para receber o título do meu imóvel eu quase não acreditei, fiquei muito feliz porque eu sempre quis reformar minha casa, mas não podia porque não tinha o título de propriedade. Agora eu vou ter”, comemorou ela com a senha do seu cadastro em mãos.

Assim como Vera Lúcia, mais de 500 pessoas participaram da solenidade de lançamento e abertura do cadastramento do programa estadual de regularização fundiária urbana: Título Já, que vai beneficiar 1.800 famílias em Seringueiras com a emissão e registro do título de propriedade urbana gratuitamente.

A coordenadora do programa, Quilvia Carvalho, explicou que o trabalho técnico já havia começado no município muito antes e o lançamento marca a segunda etapa do processo. “O governo do Estado já finalizou o georreferenciamento e a topografia dos lotes, isso com certeza vai acelerar os processos para que a entrega do título seja feita logo”, disse Quilvia.

Todos os arquivos dos lotes regularizados foram entregues pelo governador Confúcio Moura ao prefeito Armando Bernardo, que agradeceu. “O governador é um grande parceiro nosso. Há anos a população esperava por esse documento e agora vai ter. Vamos trabalhar firme até finalizar a entrega de todos os títulos”, disse o prefeito de Seringueiras.

Para maior comodidade da população, foram distribuídas senhas no evento com dias e horários marcados, em que cada um comparecerá à prefeitura para fazer o cadastro e garantir o título do imóvel.

O governador Confúcio Moura disse que o objetivo do Título Já é dar mais dignidade às famílias de Rondônia. “Eu fico honrado em poder trazer esse programa para Seringueiras, porque com esse documento os imóveis passam a valer mais, essas famílias passam a ter a posse de fato e de direito do seu lote e agora podem buscar recursos financeiros para construir, reformar, ampliar suas casas”, argumentou o governador.

Fonte - ASSESSORIA - DECOM

Comentários

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.