PARCERIA ENTRE DETRAN, PM E SEMTRAN AMPLIA EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO EM PORTO VELHO

Quarta-Feira, 15 de Abril de 2015 - 16:30
Foi iniciada, nesta quarta-feira (15), na rua Getúlio Vargas com Pinheiro Machado, uma campanha para reduzir os acidentes de trânsito em Porto Velho. Em ação conjunta, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), a Companhia Independente de Policiamento de Trânsito de Rondônia e a Secretaria Municipal de Trânsito (Semtran), realizaram esta primeira blitz educativa, alertando condutores e pedestres sobre os riscos no trânsito.

Foi iniciada, nesta quarta-feira (15), na rua Getúlio Vargas com Pinheiro Machado, uma campanha para reduzir os acidentes de trânsito em Porto Velho. Em ação conjunta, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), a Companhia Independente de Policiamento de Trânsito de Rondônia e a Secretaria Municipal de Trânsito (Semtran), realizaram esta primeira blitz educativa, alertando condutores e pedestres sobre os riscos no trânsito.

Durante a abordagem educativa, a advogada Sandra Macedo parabenizou a iniciativa.  “Nós temos boas leis, o que que precisamos é a aplicação delas, associada à tolerância, ao bom-senso e ao saber viver em sociedade”, disse. Derli Santos pensa da mesma forma: “Sou motoqueiro e acho bom demais. Poderia ter uma blitz desta em cada esquina da cidade”.

Na sexta-feira (17) a campanha continua na avenida Rio Madeira, ao lado do Porto Velho Shopping, outro local com alto índice de acidentes na capital e, a partir de então, iniciam diversas outras blitzen em todos os municípios de Rondônia. “Estamos iniciando uma grande ação conjunta para a preservação de vidas”, justifica o diretor geral do Detran, José de Albuquerque Cavalcante, que considera essa parceria importante para chamar a atenção da sociedade.

Cerca de 40% das entradas nas unidades de urgência e emergência da capital são provenientes de vítimas de trânsito e as motocicletas continuam como as mais envolvidas nas ocorrências de acidentes, como é o caso de Ailson dos Santos, que trafegava em sua motocicleta. “Fui atropelado por uma caçamba. Desmaiei e só me lembro quando acordei em uma maca no João Paulo II”, conta. Ailson, que se apresentou como voluntário para alertar os condutores durante a blitz, teve a perna esquerda amputada acima do joelho.

Acássio Figueira, diretor-executivo de habilitação, medicina e educação de trânsito do Detran, diz que “os altos gastos com saúde, juntamente com a mutilação de membros e as mortes justificam a necessidade dessa mobilização em favor da vida” e complementa dizendo: “Estamos em contato com outros possíveis parceiros a fim de encorpar esta importante campanha de nível estadual e orientamos as Ciretrans dos municípios do interior para que também façam parcerias visando ampliar as ações educativas”.

A campanha segue nos próximos meses e nas ações conjuntas são distribuídos impressos com informações importantes para o trânsito mais seguro, onde os condutores também recebem informações sobre os riscos da embriaguez ao volante. Policiais, agentes de transito e demais servidores abordam os condutores e os conscientizam sobre os riscos, reforçando os conceitos de direção defensiva.

Fonte - Decom/gov-ro

Comentários

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.