Sebrae promove cursos de classificação e análise sensorial do cacau em Jaru

Capacitação contou com apoio do Centro de Inovação do Cacau - (CIC)
Sexta-Feira, 29 de Julho de 2022 - 14:55

Autor - [email protected]

Exercitar através de métodos científicos usados para identificar, avaliar e interpretar a percepção do provador pelos sentidos da visão, olfato e paladar é a proposta do Curso de Classificação e Análise Sensorial do Cacau, promovido esta semana pelo Sebrae em parceira com o Centro de Inovação do Cacau (CIC) e realizado no Ifro de Jaru.

O objetivo do curso é promover a capacitação dos técnicos das instituições parceiras do projeto Cacau Sustentável de Rondônia - Ifro, Senar, Emater, Ceplac, Idaron, Embrapa e Mapa –, dotando-os desta expertise e tornando-os aptos e legalmente habilitados para exercerem a atividade de classificação de das amêndoas do cacaueiro. Após o treinamento, os técnicos terão a missão de capacitar os produtores de cacau inseridos no projeto, a fim de que eles identifiquem defeitos e odores das amêndoas, e assim possam produzir e selecionar cacau de qualidade.

A classificação vegetal é uma importante ferramenta para salvaguardar o interesse público, quando associada ao Código de Defesa do Consumidor e às fiscalizações, visto que este serviço atesta a qualidade física de produtos embalados e comercializados, estabelecendo parâmetros para a definição e a diferenciação dos preços de cada produto.

"O importante é que teremos multiplicadores dessas técnicas, e isso poderá ser um fator fundamental para ganharmos competitividade em relação aos demais estados produtores. É mais um degrau que subimos em direção aos grandes resultados da cacauicultura do estado", disse Marcileide Zirondi, analista do Sebrae e gestora do projeto Cacau Sustentável de Rondônia.

Fonte - 010 - [email protected]

Comentários

News Destaques

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.