Quente, muito quente: baixa umidade do ar entre 20 e 30% coloca municípios de RO em alerta de perigo

Doenças como sinusite, renite alérgica, dores de cabeça e até sangramento nasal acometem mais pessoas durante a estação seca.
Quarta-Feira, 06 de Julho de 2022 - 14:51

Autor: Emerson Barbosa

No mapa divulgado pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), nesta quarta-feira, (06) trouxe um alerta para onze estados com perigo potencial por conta da baixa umidade relativa do ar.

Em Rondônia, o aviso se estende para os municípios concentrados ali no eixo sul como Vilhena, Colorado D’Oeste, Cerejeiras, Corumbiara, Espigão D’Oeste, São Felipe D’Oeste, Pimenteiras de Rondônia, Santa Luzia D’Oeste, Alto Alegre dos Parecis e Cacoal.

Nestes locais a umidade relativa do ar estará marcando níveis entre 20 a 30%, algo extremamente complicado para a adaptação do corpo humano. Pessoas com histórico de doenças como sinusite, renite alérgica, dores de cabeça e até sangramento nasal são acometidas frequentemente por essas doenças durante a estação seca.

Outros agravos, segundos os médicos são os problemas de garganta seca e irritada, coceiras e vermelhidão nos olhos, ressecamento da pele e uma certa exaustão corporal. Tudo isso estaria, de acordo com os especialistas associados em razão da baixa umidade do ar.

Os horários mais severos são a partir de 15h e 16h, por isso é importante seguir algumas regras para manter a saúde do corpo, como beber bastante água, lavar as mãos e evitando de leva-las aos olhos. Dê preferência a alimentos ricos em água. Evite também fazer exercícios nos horários críticos.

Fonte - ƒ NewsRondonia

Comentários

News Destaques

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.