VÍDEO - Filha de mulher morta por Sargento diz que mãe foi assassinada pelo suspeito

De acordo com suspeito, houve um disparo acidental da pistola calibre 9mm que estava entre as pernas dele, onde atingiu a parede e ricocheteou acertando o pescoço da esposa.
Segunda-Feira, 04 de Julho de 2022 - 17:07

Autor - Redação News Rondônia

Na tarde desta segunda-feira (04) a filha de Lindalva Galdino de Araújo, mulher morta e que teve o corpo jogado no Rio Madeira pelo sargento, Gilmar, disse que a mãe não morreu por um tiro acidental e que a mesma foi assassinada pelo suspeito.

De acordo com suspeito, o casal e outros amigos ingeriam bebida alcoólica na residência deles no bairro Mariana, porém, assim que todos amigos foram embora, houve um disparo acidental da pistola calibre 9mm que estava entre as pernas dele, onde atingiu a parede e ricocheteou acertando o pescoço da esposa.

Desesperado ao perceber que a mulher havia morrido, o policial decidiu se desfazer do corpo jogando no Rio Madeira, no Ramal Maravilha, localizado às margens da BR-319 após a ponte sobre o Rio. Em seguida, foi feito um boletim de ocorrência sobre o desaparecimento da mulher.

O policial já detido levou as guarnições da PM até o local onde jogou o corpo, e após buscas feitas pelo Corpo de Bombeiros, os restos mortais da vítima foram encontrados a cerca de 3m dentro do rio.

VÍDEO 

Fonte - 20 - News Rondônia

Comentários

News Destaques

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.