Boliviano que morreu no JP II veio a Rondônia em busca de melhores condições para o tratamento

A vítima já chegou ao país com um quadro de saúde inspirando muito cuidado
Quarta-Feira, 29 de Junho de 2022 - 20:42

Autor: Emerson Barbosa

O boletim destaca que o boliviano apresentava “contusões no cérebro graves e sua morte teria sido associada a uma parada cardiorrespiratória”.

A sobrinha do boliviano, Ernesto Cuevo Verdugo, 67 anos, se encarregou de informar a morte do tio, às 10h da quarta-feira (28), ocorrida no Hospital João Paulo II em Porto Velho Rondônia.

Vítima de acidente de moto em Riberalta, distante aproximadamente 430 quilômetros de Porto Velho, Ernesto foi translado pela família para Guajará-Mirim, mas pelas condições gravíssimas após sofrer um traumatismo craniano, o boliviano foi enviado para Porto Velho onde esteve em tratamento no JP II após dar entrada no dia 18 de junho.

A decisão de trazer a vítima para Rondônia, partiu dos familiares que enxergaram no estado a possibilidade Ernesto ter maiores chances de se recuperar do acidente que aconteceu no cruzamento de uma avenida de Riberalta no dia há 14 dias.

A vítima já chegou ao país com um quadro de saúde inspirando muito cuidado. O boletim destaca que o boliviano apresentava “contusões no cérebro graves e sua morte teria sido associada a uma parada cardiorrespiratória”.

Fonte - ƒ News Rondônia

Comentários

News Destaques

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.