Magistério em Vilhena: veja como será a nova composição salarial da classe em Vilhena com o PCCR

PCCR garante salário com mais garantias, valor inicial 22% maior, aumento de 41% no investimento geral do Magistério
Segunda-Feira, 06 de Junho de 2022 - 14:37

AutorSemcom

Professores, orientadores, supervisores e todos que compõem o Magistério em Vilhena na rede municipal de ensino serão beneficiados com o maior aumento salarial já realizado pela Prefeitura de Vilhena na história. A partir da aprovação do PCCR (Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração), que está na Câmara Municipal de Vereadores, a composição do salário da classe terá apenas itens que não poderão ser retirados ou reduzidos, dando mais segurança aos servidores por transformar toda a remuneração em direito adquirido.

Foto: Semcom

No município dos 537 servidores do Magistério, 525 têm pós-graduação. Atualmente o salário inicial de um servidor do magistério com pós-graduação é R$ 4.388, sendo composto por R$ 2.887 de salário base, R$ 721 de gratificação de sala de aula, R$ 433 de gratificação por pós-graduação, R$ 257 de auxílio alimentação e R$ 90 de auxílio transporte.

Com a aprovação do PCCR da Educação, que inclui reajuste do salário base conforme lei federal, a remuneração inicial será de R$ 5.347, composta por: R$ 3.856 de salário base (aumento de 33,2%), R$ 1.153 de gratificação por pós-graduação (aumento de 166%), R$ 257 de auxílio alimentação e R$ 90 de auxílio transporte.

Diferente do salário atual, o que está previsto no PCCR não pode mais ser reduzido ou ter seus componentes revogados. "Gratificação não é garantia. É uma decisão de gestão. Já salário base aprovado em lei sim, é garantia. Por isso, o PCCR feito pela Prefeitura é uma grande conquista dos servidores. A remuneração inicial do magistério vai aumentar 21%, mas como esses valores aumentam proporcionalmente ao longo dos anos, com a progressão funcional, e a maioria dos servidores na Prefeitura hoje tem vários anos de atuação, o aumento da Prefeitura no investimento com magistério será de 41% no total, saindo de R$ 46,4 milhões para R$ 65,4 milhões por ano", explica o prefeito Eduardo Japonês.

Amanda Areval, professora e secretária municipal de Educação, destaca que os servidores com vários anos de Prefeitura, que são a maioria, serão mais beneficiados. "Por exemplo, alguns receberão até R$ 2,6 mil a mais por mês, saindo de salário de R$ 4,7 mil para R$ 7,3 mil. Além disso, o reajuste do piso salarial, que sai de R$ 2,8 mil para R$ 3,8 mil, será pago de maneira retroativa a 1° de janeiro, em parcela única", explica.

Para a classe um dos benefícios mais importantes é o aumento por parte da Prefeitura de Vilhena na porcentagem da gratificação por estudo. Especialização agora dá direito a 30% de aumento sobre o salário base (antes eram 15%), mestrado 40% (antes 20%) e doutorado 50% (antes 25%). Como o salário base aumento em cerca de R$ 1 mil, essa gratificação teve seu valor final quase triplicado, saindo de R$ 433 para R$ 1.153 no caso de pós-graduação e de R$ 866 para R$ 1.542 para quem tem mestrado. Com pós-graduação há 525 servidores, com mestrado há 12 e ainda não há nenhum com doutorado.

Fonte - 030 - Semcom

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.