Marcos Rocha lamenta morte de policial e pede justiça: 'Se alguém tiver que tombar, que seja o criminoso'

Almeida recebeu tiros na cabeça, tórax e braço direito.
Segunda-Feira, 30 de Maio de 2022 - 18:48

Autor: Wanglézio Braga

Manifestando pesar, o governador Marcos Rocha (UB) usou as redes sociais neste domingo (29) para pedir justiça à morte do Policial Penal André Monteiro de Almeida, morto durante assalto ocorrido na sexta-feira (27), em Porto Velho.  Almeida recebeu tiros na cabeça, tórax e braço direito.

“Recebi a notícia nesta madrugada que me deixou extremamente triste e com imensa indignação. A morte do Policial Penal André Monteiro de Almeida. André — que exercia suas funções no Centro de Detenção Provisória de Porto Velho — tombou defendendo sua família (sua esposa e seu filho) de um bandido, que num ataque covarde, baleou esse verdadeiro herói (...) Eu disse há poucos dias quando entregamos o “caveirão” à PM: “Se alguém tiver que tombar, que seja o criminoso, não nossas famílias.” Lamentavelmente, ontem caiu um policial valoroso, que combateu o mal até o último instante de sua vida, com honra e coragem.  Ele foi um verdadeiro herói e salvou sua família”, escreveu.

Rocha informou que o acusado, um adolescente de 16 anos, “foi pego e preso por nossa Polícia Militar nas proximidades”. Em seguida, o chefe do executivo pediu que “agora que a justiça seja feita com o máximo rigor possível e à altura deste crime”.

“Ao André, nossa gratidão e respeito por sua dedicação, sua bravura e seu caráter em servir  nosso Estado. Sua história será lembrada para sempre e nos moverá ainda mais a lutarmos contra a violência, a criminalidade. Que o Senhor nosso Deus abrace a família nesse momento de profunda dor. O Espírito Santo de Deus é aquele que consola. Assim peço ao Senhor Nosso Deus que esteja com a esposa e filho, levando a paz nesse período tão difícil”, concluiu.

Fonte - ƒ News Rondônia

Comentários

News Destaques

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.