“Execução ninguém admite”, diz Bolsonaro sobre PRF de Sergipe

Presidente falou, porém, que ainda não se inteirou sobre o caso: “Não sei o que aconteceu para dar uma resposta adequada”
Quinta-Feira, 26 de Maio de 2022 - 18:05

 

Autor: Natalia Veloso e Murilo Fagundes

O presidente Jair Bolsonaro (PL) comentou o caso do homem de 38 anos que morreu durante uma abordagem da PRF (Polícia Rodoviária Federal) em Sergipe.

Foto: Reprodução | Poder 360

A execução ninguém admite”, falou o chefe do Executivo a jornalistas nesta 5ª feira (26.mai.2022). Apesar do comentário, disse não saber exatamente o que se passou.

O caso se deu na tarde de 4ª feira (25.mai.2022) e foi registrado em vídeo por testemunhas. Nas imagens, policiais imobilizam o homem identificado como Genivaldo de Jesus Santos dentro do porta-malas de uma viatura e o fazem inalar uma grande quantidade de fumaça.

O sobrinho da vítima, Wallyson de Jesus, estava no local e presenciou a ação. Ao G1, disse que Genivaldo pilotava uma motocicleta quando foi abordado.

Wallysson informou aos policiais que o tio sofria de transtornos mentais. Mesmo diante da tentativa de diálogo, os agentes usaram spray de pimenta e o imobilizaram.

Em nota, a PRF informou que Genivaldo “resistiu ativamente” à abordagem e precisou ser imobilizado pelos policiais. O órgão lamentou o ocorrido e informou que um procedimento foi aberto para apurar a conduta dos policiais.

O caso será investigado pela Polícia Federal.

Fonte - 030 - Poder 360

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.