Como fugir de golpes financeiros relacionados ao Dia das Mães

Ao querer se dar bem e aproveitar um grande desconto, o consumidor pode colocar seus dados pessoais e cartão de crédito em risco.
Segunda-Feira, 02 de Maio de 2022 - 10:23

Autor - Assessoria da Confirp

As tentativas de fraudes e golpes crescem diariamente, utilizando-se principalmente de momentos de fragilidade das pessoas e datas comemorativas, como é o caso do Dia das Mães, que neste ano será comemorado no domingo, 8 de maio. O apelo emocional dessas datas facilita a atuação dessas pessoas.

Para isso os cibercriminosos criam diversos tipos de ações elaboradas, como, por exemplo, promoções sensacionais de Dia das Mães, com preços muito abaixo do mercado ou descontos incríveis, nos quais as pessoas clicam e consequentemente têm seus dados roubados.


Foto: Reprodução - 
Banco BV

Segundo dados do dfndr lab, laboratório de segurança digital da PSafe, apenas na primeira semana de abril, pelo menos 200 mil pessoas foram enganadas por golpes de phishing. Que usam marcas famosas direcionando os consumidores para páginas fraudulentas de venda de produtos, por exemplo. E quando vão finalizar fornecem seus dados de cartão de crédito, ficando expostos a golpes.

Mas, esse é apenas um dos golpes que são praticados. Assim, no Dia das Mães os cuidados devem ser enormes, pois sofremos com uma avalanche de promoções, tornado difícil diferenciar o que é verdadeiro e o que é golpe. Ao querer se dar bem e aproveitar um grande desconto, o consumidor pode colocar seus dados pessoais e cartão de crédito em risco.

Mas, como se proteger dessas situações? Veja algumas orientações básicas:

1 - Cuidado com seus dados - informações pessoais com telefone, CPF, endereço e número de cartões, dentre outros, devem ser fonte de grande preocupação. Evite colocar esses dados em qualquer formulário e sempre se preocupe se o site que for cadastrar seja realmente seguro.

- Cuidado ao clicar - sei que o impulso pode ser grande, pois a chamada é atrativa, mas só clique em links se tiver certeza de que esse é seguro. Para isso observe se à esquerdo do endereço do site se tem uma imagem de cadeado, que significa segurança, também averigue se o site tem a sigla 'https' no endereço da web. Busque sempre as páginas oficiais.

- Procure saber sobre a reputação da loja - hoje em qualquer busca rápida pode se ter avaliação de uma empresa ou loja, mas cuidado, priorize Procon, portais de direito do consumidor ou no Reclame Aqui para fazer sua pesquisa, cuidado com sites que mudam apenas uma letra de um nome famoso ou que tenha extensões diferentes.

- Se atente às suas senhas - busque sempre ter senhas diferentes para cartões, sites e cadastros, e também procure alterar constantemente. Evite que essas sejam mais simples como o nome e 123 na sequência e a data de nascimento, etc.

5 - Priorize pagamento no cartão de crédito - para as compras online essa é a mais seguras, pois simplifica o cancelamento, permitindo que o cliente conteste a cobrança e solicite o reembolso do valor e identifica possíveis fraudes. Evite transferência bancária ou boleto.

6 - Fuja de condições extraordinárias - 'quando o milagre é demais', é fundamental desconfiar, as propostas com descontos sensacionais são as mais usadas para os golpes, por isso não acredite nessas situações;

7 - Atualize sempre seu antivírus - busque estar sempre com antivírus atualizados para proteger os sistemas operacionais de computadores e smartphones, isso dificulta a instalação de programas maliciosos, também faça varreduras constantes.

8 - Busque fontes confiáveis de informação - é importante estar sempre esperto e atualizado sobre novos golpes, mas sempre busque informações de fontes confiáveis, lembrando que grupos de WhatsApp são os maiores disseminadores de Fake News.

Fonte - 025- Paulo Ucelli - Assessoria de Imprensa da Conf

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.