Porto Velho segue entre as capitais com menor ranking de competitividade no Brasil

A pesquisa aponta que o resultado é frustrante.
Segunda-Feira, 03 de Janeiro de 2022 - 11:36

Um mapeamento publicado pelo Centro de Liderança Pública (CLP) mostra o resultado da competitividade de 411 municípios brasileiros. Nesta 2ª edição a capital Porto Velho em Rondônia foi classificada na 24ª com 47,03 pontos. A pesquisa aponta que o resultado é frustrante.

Mesmo não sendo um índice satisfatório, PVH pontuou à frente de Macapá e Belém, essa última assinalada como a pior entre as capitais da Região Norte.

No estado, a pesquisa destacou os municípios de  Cacoal, Ariquemes e Vilhena nas ultimas colocações no ranking de competitividade entre os municípios brasileiros.

Na soma geral, quando aparece todos os 411 municípios pesquisados, a capital ocupa a posição 271. A cidade, de acordo com a pesquisa subiu apenas 7 posições na comparação com 2020, são 40 degraus a menos que a capital Rio Branco no Acre.

O levantamento aponta também o acesso à educação, inovação, dinamismo econômico e inserção econômica como propostas que precisam ser enfrentadas pelos gestores de Porto Velho, afim de consolidar-se como um município competitivo.

Porto Velho juntamente com Maceió (AL) Aracaju (SE), Macapá (AP) e Belém (Pará) sustentam posições mencionadas como no extremo oposto da tabela. Figuram entre as mais desfavoráveis no ranking geral, índices insatisfatórios do que a de número 200, afirma.

Belém é apontada como a capital menos competitiva do Brasil e da região Norte, figura entre os cinco municípios do Brasil que mais perderam posições, Porto Velho é um deles. A pesquisa revela que a dimensão “sociedade” foi o principal ponto para desfavorecer o resultado dessas capitais. “Dentro cluster e no ranking geral, enquanto as dimensões instituições e economia são, ainda que de forma não decisiva, motores de melhoria dos desempenhos relativos”, declara a pesquisa.

Na região Norte, Tocantins foi a melhor colocada, Palmas, que ocupa a 61ª colocação saltou seis posições. Além de Palmas, houve uma melhora expressiva de posicionamento no ranking geral entre os primeiros colocados da região Norte: Manaus (AM), Boa Vista (RR), Ji-Paraná (RO), Rio Branco (AC) e Parauapebas (PA), na 145ª, 192ª, 196ª, 207ª e 225ª colocações, respectivamente.

São cidades que alçaram novas posições, contribuindo para que, na média, um município da região ocupe a posição de número 327 no ranking geral, uma melhora de cinco posições em relação à última edição, destaca o Centro de Liderança Pública.

 

.

Fonte - News Rondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.