Senado debate em Buritis burocracias em obras e regularização fundiária

Já como medidas para o avanço da região, ampliação do Programa Titula Brasil além de mudanças na lei que tratam da regularização fundiária.
Segunda-Feira, 06 de Dezembro de 2021 - 18:35

A cidade de Buritis, interior de Rondônia, ganhou destaque hoje (06) por sediar uma importante audiência do Senado Federal: A regularização fundiária e obras de infraestrutura. O evento, realizado pela Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA), permitiu que a população pudesse relatar as burocracias que vem enfrentando para avançar na regularização fundiária e em obras estruturantes no estado.

A cada participação na sede da Câmara de Vereadores de Buritis, foram referenciadas às dificuldades na regularização fundiária para cerca de 300 famílias, recuperação das áreas degradadas, infraestrutura e licenciamento ambiental. Já como medidas para o avanço da região, ampliação do Programa Titula Brasil além de mudanças na lei que tratam da regularização fundiária.

Os produtores ressaltaram, como principal mote, a recuperação emergencial de trechos da BR-421 e 364 para que a produção pudesse escoar. Na época da chuva, muitos trechos ficam intrafegáveis trazendo uma série de problemas para os moradores da região. Em uma das falas, foi solicitado que o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) pudesse acelerar as obras de duplicação da BR-364.

O coordenador de Planejamento do DNIT, Adailton Cardoso Dias, esteve presente na reunião. Ele informou que o Ministério da Infraestrutura do Governo Bolsonaro está elaborando estudo para duplicação da BR-364, que será feita em sistema de concessão. Sobre a BR-421, foi explicado que vem sendo realizado um estudo de viabilidade que deve ser entregue em nove meses, a partir da publicação será feito os trâmites necessários para a realização do que os produtores chamam de “sonho”.  

Fonte - News Rondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.