Prefeitura inicia sinalização vertical e horizontal nas avenidas Abunã e Calama

Trabalhos incluem faixas de pedestres e bolsões para motociclistas.
Quinta-Feira, 11 de Novembro de 2021 - 14:59

Buscando garantir maior segurança numa região que interliga três partes da cidade, a Prefeitura de Porto Velho vem atuando na revitalização das avenidas Calama e Abunã, região central da cidade.

Após a troca por luminárias de led e o recapeamento da pista, o município inicia os trabalhos de sinalização em um trecho de 2,5 quilômetros. O serviço de sinalização vertical e horizontal é de responsabilidade da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes (Semtran).

Segundo o diretor de tráfego da Semtran, João Luiz Sousa, o trabalho de marcação foi iniciado na quarta-feira (10), na avenida Calama com a rua Brasília, e deve ser finalizado nos próximos dias. “Para concluirmos esse trabalho dependemos muito das condições climáticas, pois há a necessidade de sol para que a atividade possa ser viabilizada sem comprometimento”, afirma.

Serão realizadas as faixas de rolagem que são as marcações que devem existir na pista por onde os veículos trafegam e o acostamento. Também serão construídas dez faixas de pedestres e cinco bolsões na avenida Calama, além de 16 faixas de pedestres com cinco bolsões na avenida Abunã. Os bolsões são espaços destinados a motociclistas antes dos semáforos.

OUTROS INVESTIMENTOS

A Empresa de Desenvolvimento Urbano de Porto Velho (Emdur) realizou 130 substituições na Avenida Calama por novos materiais e com garantia de economia e eficiência energética. Outras regiões da cidade também estão sendo contempladas com o serviço.

Também já foi entregue à população o recapeamento feito pela Secretaria Municipal de Obras (Semob) na Calama, entre as avenidas Governador Jorge Teixeira de Oliveira e Farquar. O serviço foi realizado com o uso de recursos próprios do município.

Fonte - Prefeitura de Porto Velho

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.