Dicas para comprar tudo que você precisa na Black Friday e economizar muito

Veja algumas dicas importantes para comprar na Black Friday com segurança e ainda economizar uma boa grana.
Quinta-Feira, 28 de Outubro de 2021 - 08:50

A Black Friday é uma das principais datas do varejo mundial. A ação acontece todos os anos na primeira sexta-feira seguinte à quarta quinta-feira de novembro, quando é comemorado o Dia de Ação de Graças americano.

O evento foi criado nos Estados Unidos e marca o início das compras de natal. No Brasil, a campanha ganhou força com o passar dos anos e hoje é consolidada no calendário comercial. Inclusive, muitas pessoas esperam para comprar roupas na Black Friday, por exemplo, pois as lojas oferecem grandes descontos.

A data também é vista pelos varejistas como uma oportunidade de impulsionar as vendas com várias estratégias promocionais, por isso, é preciso tomar cuidado com excessos e também adotar medidas de segurança para não cair em golpes virtuais.

Neste artigo, reunimos dicas valiosas para ajudar você a economizar o máximo possível com total segurança na Black Friday. Confira!

Pense bem antes de finalizar a compra

Encher o carrinho de compras é divertido e não faz mal a ninguém, no entanto, antes de finalizar a compra, olhe item por item e faça a seguinte pergunta para si mesmo: “eu realmente preciso destes produtos?”

Muitas vezes, devido ao grande desconto, algumas compras são feitas por impulso, mesmo o item em questão sendo desnecessário. Com isso, em vez de economizar, você acaba tendo um prejuízo ao gastar com algo que não terá utilidade.

Por isso, em vez de concluir a compra rapidamente, pare e pense se essa aquisição agregará na sua vida neste momento. Caso a resposta seja negativa, não compre.

Pesquise bastante antes de comprar

A Black Friday gera uma grande expectativa em relação ao produto que você deseja ter há algum tempo e está esperando justamente este período para fazer a compra dos sonhos. No entanto, para ter certeza de que o desconto oferecido é real, é preciso pesquisar os valores do produto com antecedência.

Monitore o produto em questão ao menos trinta dias antes da ação promocional e, se possível, anote a variação de valores. Desta forma, quando chegar a data oficial do evento, você terá certeza de que o desconto é real e vale a pena.

Peça nota fiscal

A Nota Fiscal eletrônica (NF-e) é fundamental na compra de qualquer produto, independentemente da Black Friday. Entretanto, quando o assunto são descontos e promoções, ela se torna ainda mais importante.

Isso porque a Nota Fiscal comprova a legalidade do vendedor e é preciso apresentá-la em caso de troca da mercadoria ou reembolso. Portanto, exija sempre a sua.

Lembre-se do frete

Comprar pela internet é uma tendência, no entanto, é preciso atentar-se ao frete para potencializar sua economia na Black Friday.

Em algumas situações, o desconto do produto pode ser bem atrativo, porém, ao inserir o CEP no carrinho e calcular o frete, você pode ter uma surpresa desagradável com o valor. Por isso, antes de finalizar a compra, verifique o valor do frete e veja se a compra realmente vale a pena.

Estabeleça um teto de gastos

Para que sua economia na Black Friday seja real, é preciso ter organização. E uma das formas de se organizar para fazer compras com tranquilidade neste período é estabelecer um teto de gastos.

Muitas vezes, por querer aproveitar todos os descontos, as pessoas compram além do que podem e acabam se endividando. Para evitar que isso aconteça, considere um orçamento que esteja dentro da sua realidade financeira e o cumpra a todo custo.

Cuidado com o parcelamento

Embora parcelar uma compra seja uma possibilidade comprar um produto mais caro, que você não teria condições de pagar à vista, é preciso se controlar para não extrapolar na quantidade de parcelas.

Compre com segurança

Para aproveitar a Black Friday com segurança, é necessário tomar alguns cuidados. Os principais entre eles são:

●             conferir a reputação da loja em sites como Reclame Aqui e consumidor.gov.br;

●             consultar a lista negra do Procon;

●             desconfiar de preços muito baixos;

●             evitar usar computadores públicos para fazer as compras;

●             observar se ao lado da URL do site há o ícone de cadeado;

●             utilizar o cartão virtual para fazer as compras;

●             verificar se as informações do boleto batem com as da loja.

Ao seguir estas dicas, conseguirá comprar tudo o que você precisa, economizar o máximo possível e dificilmente cairá em golpes virtuais.

Fonte - 20 - News Rondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.