Rondônia registrou entre 2017 e 2020, 1.749 casos de estupro entre crianças e jovens de até 0 a 19 anos

Somente em 2020 fora 855 casos.
Quarta-Feira, 27 de Outubro de 2021 - 11:54

O levantamento do Fórum Brasileiro de Segurança pública (FBSP) em parceria com Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) trouxe um estudo que revela o panorama da violência letal e sexual contra crianças e adolescente no Brasil. Os dados mostram uma situação estarrecedora e que ao mesmo tempo merece o máximo de cuidado das autoridades.

Entre 2017 e 2020, os registros de estupros de vulneráveis, destacam que as vítimas, de 0 a 19 anos, 81% delas tinham até 14 anos. De acordo com a pesquisa, isso indica que nos últimos quatro anos, de um total de 179.278 casos, em 145.08619 deles as vítimas tinham até 14 anos. Os dados referem-se entre os anos de 2018 e 2020 informados pelos estados.

Em 2020, o Estado de Rondônia com (146,2) aparece entre os cinco com as piores taxas de estupro por 100 mil habitantes, seguido do Mato Grosso do Sul (186,0), Paraná (139,7), Mato Grosso (136,5) e Santa Catarina (135,2).

A pesquisa avaliou a distribuição dos casos entre meninos e meninas, elas apresentam um padrão similar ao total de registros. Enquanto que para os garotos, a pesquisa declara que, não existe uma metodologia clara, mas sim um comportamento que inicia aos 3-4 anos de idade seguindo até os 8 a 9 anos.

Mesmo durante a pandemia foi verificada a evolução de casos de estupros nos estados de Rondônia, Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Roraima e São Paulo. 

Fonte - News Rondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.