Tite convoca Arthur Cabral, ex-Ceará e Palmeiras, para lugar de Matheus Cunha na Seleção

Atacante do Basel, da Suíça, vai fazer sua estreia pelo time principal do Brasil.
Sexta-Feira, 01 de Outubro de 2021 - 17:02

O técnico Tite convocou o atacante Arthur Cabral, do Basel, para o lugar do lesionado Matheus Cunha na seleção brasileira. O jogador, ex-Ceará e Palmeiras, tem 23 anos e foi chamado pela primeira vez para defender a equipe principal do Brasil. Ele já havia atuado em um amistoso do time olímpico, em setembro de 2019.

– Estava em casa e por volta das 21h me ligou um número desconhecido do Rio de Janeiro. Geralmente eu não atendo, mas atendi e era o Juninho (Paulista, coordenador da Seleção Brasileira). Lembro até a parte em que ele se apresentou, entrei em choque. Depois não lembro de mais nada – declarou Arthur, em entrevista ao site oficial da CBF.

Arthur está em sua terceira temporada no Basel e vive o melhor momento da carreira. Em 16 partidas na temporada, ele soma 20 gols e tem duas assistências. A quantidade de gols já é a que ele obteve durante 2020/21, que o deixou na liderança da artilharia no futebol europeu entre os brasileiros.

Na última janela de transferências, ele recebeu propostas do Bayer Leverkusen e do Hertha Berlin, mas a equipe suíça conseguiu segurá-lo. No momento, ele desperta o interesse do Milan.

Na única vez que vestiu a camisa do Brasil, Arthur entrou no segundo tempo do amistoso da seleção olímpica contra o Chile, no dia 9 de setembro de 2019. Ele havia acabado de se transferir para a Suíça. O atacante destacou sua evolução no futebol europeu, que o credenciou para a equipe de Tite.

– Sou um jogador que evoluiu muito taticamente desde que cheguei ao Basel. Acredito que posso me adequar ao estilo de jogo da Seleção. Gosto de estar entre os zagueiros, mas também tenho qualidade para atuar fora da área – analisou, também ao site oficial da CBF.

Fonte - 20 - Por Redação do ge — Rio de Janeiro

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.