140 mudas são distribuídas no Fórum César Montenegro

A campanha é uma iniciativa em conjunto do Poder Judiciário, por intermédio da Emeron e do Núcleo de Sustentabilidade do TJRO, mais parceiros da Ecoliga
Segunda-Feira, 27 de Setembro de 2021 - 14:18

Em continuidade à campanha "Adote um futuro", em alusão ao Dia da Árvore, mais cento e quarenta mudas foram distribuídas no Fórum Geral César Montenegro, ocasião em que servidores, servdioras, magistrados, magistradas, terceirizados e terceirizadas puderam adotar sua espécie preferida para plantar em seu quintal, elevando, assim, a qualidade do meio ambiente urbano da capital.

A campanha é uma iniciativa em conjunto do Poder Judiciário, por intermédio da Emeron e do Núcleo de Sustentabilidade do TJRO, mais parceiros da Ecoliga, que também abriram suas portas para a Polícia Ambiental realizar a distribuição de mudas para seu público interna e, em alguns casos, até para o público externo.

"As pessoas estão muito entusiasmadas com a campanha, porque estão desejando muito, hoje em dia, ter um maior contato com a natureza. A preocupação com o meio ambiente é maior, felizmente as pessoas estão mais conscientes", disse Samira Alvim de Siqueira, assistente técnica do Nages, que acompanhou a ação no Fórum Geral.

Na terça-feira, Dia da Árvore, a distribuição foi no Edifício-sede. Dentre as espécies estão ipê de jardim, pitanga, açaí, cojoba, tento vermelho e tamboril. A ação também foi realizada, ao longo da semana, na Defensoria Pública da União, no Tribunal de Contas e no Ministério Público Estadual.  

A Campanha Adote o Futuro foi criada em 2020 pela Emeron e Polícia Militar, por intermédio do Batalhão de Polícia Ambiental, como ação de extensão da Pós-Graduação em Direito Ambiental, ofertada pela Escola Judicial.  A iniciativa, que também se alinha como o compromisso firmado pela Emeron enquanto signatária do Pacto Global, maior iniciativa de sustentabilidade do mundo, atua na recomposição do ecossistema amazônico, estimulando o reflorestamento na região. Apesar de o Brasil ter compromissos internacionais para a redução do desmatamento e das queimadas, dados de monitoramento por satélite divulgados pelo Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) apontam que a Amazônia vem sendo devastada no maior ritmo dos últimos 10 anos e que apenas no período de agosto de 2020 e julho de 2021 a perda equivale a nove vezes o tamanho da cidade do Rio de Janeiro, superando em 57% o desmatamento do calendário anterior (2019-2020), que foi de 6.688 km².

A campanha Adote o Futuro está alinhada aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), propostos pela Organização das Nações Unidas. São atingidos diretamente os ODS 13 e 15, que tratam, respectivamente, da "tomada de medidas urgentes para combater a mudança climática e seus impactos" e "proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da terra e deter a perda de biodiversidade". Também se relacionam os ODS 1 e 2, "Erradicação da Pobreza" e "Fome Zero e Agricultura Sustentável", visto que a recuperação dos ecossistemas impacta diretamente na produção de alimentos e na economia, principalmente aquela ligada à agricultura e à indústria.

Fonte - 010 - Assessoria

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.