PDT pede impeachment de Bolsonaro: Acir diz que ato do 7 de setembro foi de civilidade

A sigla que tem representantes de Rondônia na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, através de Silvia Cristina e Acir Gurgacz
Sexta-Feira, 10 de Setembro de 2021 - 16:37

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) Nacional fez uma manifestação de apoio à abertura do processo de Impeachment do presidente, Jair Bolsonaro (Sem Partido), após os discursos inflamados ocorridos nesta semana e reforçou apoio para que suas lideranças e filiados compareçam às manifestações do dia 12 de setembro.

A sigla que tem representantes de Rondônia na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, através de Silvia Cristina e Acir Gurgacz, repudiou ainda o discurso do presidente durante ato realizado no dia 7 de setembro, em São Paulo (SP).

“Atenção! O PDT apoia e vai participar, nacionalmente, de todos os atos a favor da Democracia e pelo impeachment de Bolsonaro, inclusive o que está programado para o próximo domingo, 12 de setembro. Nossa democracia não será ameaçada! #ImpeachmentJá, comunicou a executiva nacional, via Twitter.

A agremiação exalta que “O PDT foi o primeiro partido a entrar com pedido de impeachment contra Bolsonaro e hoje já se somam mais de 130. Os crimes de responsabilidade do presidente se multiplicam e precisam ser apurados. Seguimos na luta pelo Brasil!”.

Compartilhando um vídeo do ex-governador do Ceará, Ciro Gomes, a executiva enaltece que “a carta de Bolsonaro pode trazer alívio, mas demonstra também a insanidade do nosso chefe de estado. E não surpreenderá se no futuro descobrirmos um acordo tenebroso e imoral por detrás daquelas palavras”.

A MANIFESTAÇÃO DE ACIR

Um dia após as manifestações da última terça-feira, o senador de Rondônia, Acir Gurgacz escreveu que o ato foi uma “demonstração de civilidade e democracia”. E que a ideia agora é “resolver os problemas do Brasil”.

“As manifestações do 7 de setembro foram uma demonstração de civilidade e democracia, pois todos se manifestaram livremente e sem tumultos. Agora, vamos resolver os problemas do Brasil, para sairmos da crise - com base no diálogo, nas conversações e no respeito às instituições”, escreveu Acir em seu perfil no Twitter.

Fonte - News Rondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.