Dia do Voluntariado: voluntários da Ecoporé relatam experiência de atuar em projetos socioambientais na Amazônia

São duas modalidades de voluntariado dentro do programa: presencial e a distância.
Sábado, 28 de Agosto de 2021 - 15:05

Desde o início dos seus trabalhos de restauração da vegetação nativa, a Ação Ecológica Guaporé – Ecoporé adota a metodologia dos Viveiros Educadores, um espaço dedicado, para além da produção de mudas, à aprendizagem e participação social. Parte importante desse processo é o programa de voluntariado, aberto a estudantes e profissionais de todas as áreas, não só da região, mas de todo o país e estrangeiro, que queiram contribuir com a causa. Neste Dia Nacional do Voluntariado, a Ecoporé celebra os voluntários que ao longo destes 33 anos contribuíram (e contribuem) significativamente com as ações desenvolvidas, como convida a novos interessados a integrarem o programa.

São duas modalidades de voluntariado dentro do programa: presencial e a distância. No presencial, o voluntário participa das ações desenvolvidas em campo, contribuindo no processo de produção de mudas, ações educativas recuperação de áreas, entre outras, e atua efetivamente sob orientação e acompanhamento da equipe técnica responsável.

À distância, é possível contribuir em atividades como designer gráficos, edição e revisão de textos e outros materiais informativos, assessoria jurídica, aconselhamento contábil, entre outras contribuições que possam ser realizadas remotamente pelo voluntário.

A jornalista porto-velhense Vanessa Vasconcelos fala da experiência de ter integrado o programa por 9 meses como voluntária de comunicação, até ser efetivada. "Já conhecia o trabalho da Ecoporé através de amigos, mas ao ter a oportunidade de conhecer a equipe de perto eu fiquei ainda mais encantada. E daí para o voluntariado foi um passo", conta ela.

Para ela, vivenciar o dia a dia das atividades de campo, viveiro e o contato com os beneficiários foi transformador e trouxe ainda mais certeza, e vontade, para fortalecer sua atuação no terceiro setor. "Conhecer histórias de pessoas que tiveram a vida transformada de perto me tocou profundamente. Aqui eu consegui ver e vivenciar como a instituição leva sua missão a sério, que o discurso é transformado em prática no dia a dia e o resultado disso é palpável em todas as frentes", conta ela, que atuou especialmente junto ao projeto Viveiro Cidadão, realizado com Patrocínio da Petrobras, e que entra agora em sua terceira edição.

Outra voluntária que passou pelo programa é a estudante de ciências contábeis Ive Cabral. Ela conta que sempre ouvia sobre o trabalho da instituição e se identificou, uma vez que sempre teve vontade de atuar mais ativamente em ações de proteção do meio ambiente. "Eu também esperava adquirir novos conhecimentos e habilidade dentro da minha área. Lá eu tive a oportunidade de exercer meu papel como cidadã de forma mais ativa e foi enriquecedor participar de um programa de voluntariado em que a gente confia e acredita", finaliza Ive.

Para conhecer mais sobre as ações da Ecoporé e seus projetos, acesse o site ecopore.org.br. Os interessados em fazer parte do programa, podem entrar em contato através do e-mail: ecopore@ecopore.org.br.

Fonte - 010 -

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.