Governo de Rondônia intensifica programa 'Mamãe Cheguei' na zona rural dos municípios

O 'Mamãe Cheguei' é uma iniciativa que leva auxílio e assistência às mulheres gestantes que se encontram em vulnerabilidade social.
Sexta-Feira, 13 de Agosto de 2021 - 09:09

O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas) em parceria com a Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), intensificou as atividades do programa “Mamãe Cheguei” para as famílias da zona rural nos 52 municípios do Estado. Para isso, foi assinado um Termo de Cooperação entre a pasta e a Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-RO) que vai beneficiar gestantes da área rural nos 52 municípios. Com a efetivação da parceria, as futuras mamães serão assistidas durante a sua gestação por extensionistas das 74 unidades locais da Emater.

O “Mamãe Cheguei” é uma iniciativa que leva auxílio e assistência às mulheres gestantes que se encontram em vulnerabilidade social. A parceria firmada com a Emater vai permitir que essas ações cheguem a essas mulheres que já têm muita dificuldade de acesso às políticas públicas do estado. “Com essa parceria firmada com a Emater, as extensionistas irão às residências delas e, estando mais próximo, poderão prestar melhor atendimento”, diz a secretária da Seas, Luana Rocha.

Luciano Brandão, diretor-presidente da Emater, lembra que a parceria entre a autarquia e a Seas vem de longa data. “Recentemente a Seas nos pediu auxílio para distribuição de máscaras visando disseminar seu uso na prevenção da covid-19 entre as famílias rondonienses”.

Através do programa “Mamãe Cheguei”, as futuras mamães, além de receberem acompanhamento durante a gestação, vão ser orientadas a fazerem o pré-natal para que elas possam ter um bom parto e que seus filhos nasçam com saúde. Essas famílias ainda vão receber um kit enxoval contendo roupinhas e peças necessárias às mamães e aos bebês.

“Para ter acesso ao programa, é preciso que a beneficiária esteja inscrita no cadastro único e tenham acompanhamento no pré natal realizado pelo SUS”, explica Luana Rocha, complementando que após, basta procurar um escritório da Emater mais próximo para ser acompanhada pelos extensionistas.

A secretária ressalta que, além do programa “Mamãe Cheguei”, a Emater deverá ser parceira no programa “Criança Feliz +”, que é voltado para o fortalecimento da família. “A família que é acompanhada por esse programa recebe um auxílio de R$ 100,00 por mês e ela também precisa estar inscrita no CAD único e ser acompanhada pelo programa Criança Feliz”, finaliza.

Fonte - 010 - SECOM - GOV/RO

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.