Primeira-dama incentiva empreendedorismo de mulheres negras

Ieda Chaves abraçou as políticas públicas de igualdade racial
Domingo, 25 de Julho de 2021 - 10:02

Realizada sábado, 24, e domingo, 25, no Mercado Cultural, a Feira das Empreendedoras Negras entra para a lista das ações que a primeira-dama de Porto Velho, Ieda Chaves, vem desenvolvendo para incentivar o empreendedorismo feminino.

Ao discursar durante a solenidade de abertura do evento na manhã do sábado, ela apontou a necessidade de se fortalecer as políticas públicas de igualdade racial.

Segundo ela, para reverter essa situação são necessárias medidas concretas e urgentes “Por esse motivo, abracei essa causa e espero dentro das minhas limitações colaborar com essa política pública, tendo o irrestrito apoio do prefeito Hildon Chaves que já solicitou o empenho das pastas envolvidas nessa temática”.

Promovida pela Prefeitura Municipal de Porto Velho por meio da Secretaria de Assistência Social e Família – Semasf – em parceria com a Associação Filha do Boto Nunca Mais, através do Núcleo de Questões Étnicos Raciais Mãe Esperança, a Feira integra a vasta programação alusiva ao Dia Internacional da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha, transcorrido no dia 25 de julho.

Na quarta-feira, 21, o prefeito Hildon Chaves sancionou a lei que instituiu essa data comemorativa no calendário oficial do Município. O cronograma comemorativo contou ainda com palestras, apresentações culturais e uma exposição sobre as primeiras professoras negras da Capital que está sendo realizada no Mercado Cultural.

Para motivar as participantes da feira e o público presente na solenidade de abertura, foi realizada a palestra Empreendedorismo Social Como Fortalecimento de Base Territorial.

Nativa da Ilha de Deus em Recife, Pernambuco, ela empreendeu em várias áreas até se consolidar na gastronomia do mangue, ou seja, explorando frutos do mar pescados por moradores da própria comunidade.

“Aos 18 anos fui trabalhar com carteira assinada, mas não me identifiquei e resolvi empreender”, testemunhou Negralinda. Após sua apresentação, ela  presenteou Ieda Chaves com uma peça de artesanato confeccionada na sua terra natal. O objetivo do presente? Reconhecer o incentivo e as oportunidades que a primeira - dama de Porto Velho está dando  às empreendedoras negras.

Fonte - NewsRondonia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.