Pitbulls enfurecidos atacam pessoas e um acaba morto por Rádio Patrulha em Vilhena

Mesmo feridos, os cachorros soltaram a mulher e investiram contra a guarnição até um ser abatido e outro fugir ferido.
Quinta-Feira, 22 de Julho de 2021 - 09:03

No início da manhã desta quarta-feira, 21, três pessoas foram atacadas por 2 cães da raça Pitbull no bairro Bela Vista, em Vilhena, e um dos animais precisou ser abatido por uma Rádio Patrulha da Polícia Militar.

A Rádio Patrulha se dirigiu até a Avenida Jô Sato, em frente à empresa Arevil, onde duas pessoas que aguardavam o ônibus que os conduz diariamente para o trabalho, afirmaram terem sido atacadas por 2 Pitbulls, de cor branca.

Enquanto lutavam com os animais, as vítimas sofreram lesões em várias partes do corpo, como mãos, barriga, braços e pernas até que conseguiram se desvencilhar, tendo um subido em uma árvore e outro se escondido dentro de um veículo.

Após solicitar socorro para o homem, que permaneceu no local, a guarnição  entrou no bairro em busca dos cães e os avistou correndo em direção a um grupo de pessoas que estava na frente de um bar e só não foram atacadas devido terem conseguido fechar as grades do estabelecimento a tempo de evitar a entrada dos animais.

Enquanto eram seguidos pelos militares, que tentavam interceptá-los sem a necessidade de execução, os cães atacaram uma pedestre, a encurralando contra um muro e a mordendo por diversas vezes.

Diante da impossibilidade de contenção dos cães que se mostravam muito agressivos, os policiais efetuaram vários disparos de pistola calibre .40 e carabina 12 contra os animais que arrastavam a vítima pela via.

Mesmo feridos, os cachorros soltaram a mulher e investiram contra a guarnição até um ser abatido e outro fugir ferido.

Após solicitarem socorro para a terceira vítima, a Rádio Patrulha realizou buscas pelo bairro a fim de encontrar o cão ferido e identificar o proprietário, porém, não obteve êxito. A remoção do cadáver do animal abatido foi providenciado pelo sistema Autônomo de Águas e Esgotos (SAAE).

Quem tiver qualquer informação sobre a identidade do responsável pelos cachorros é só entrar em contato com a Polícia Militar através do 190 para que o mesmo seja responsabilizado pelos danos causados.

Fonte - 025-extra de rondonia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.