Cinco deputados e dois senadores de RO ajudaram na aprovação do Fundão Eleitoral de R$ 5,7 bilhões

Com a aprovação da LDO, o Congresso fica liberado para o recesso parlamentar, previsto para o período de 18 a 31 de julho, no entanto, eles devem retornar apenas no dia 3 de agosto.
Sexta-Feira, 16 de Julho de 2021 - 10:58

Com ajuda de membros da bancada de Rondônia, o Congresso Nacional aprovou nesta quinta-feira (15) o projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2022 que prevê a ampliação de R$ 2 bilhões para R$ 5,7 bilhões os recursos para o Fundo Especial de Financiamento de Campanha 2022, o popular fundão eleitoral.

A votação foi feita de forma nominal, a pedido do Podemos. Orientaram "sim" à proposta: PSL, PL, PP, PSD, MDB, PSDB, DEM, Solidariedade, Pros, PSC, PTB e Cidadania. Ao "não" orientaram os seguintes partidos: PT, PSB, PDT, Podemos, PSOL, Novo, PV, Rede, e a liderança da Oposição.

A matéria foi aprovada na Câmara por 287 votos favoráveis e 187, com uma abstenção. Da bancada de Rondônia, os deputados que votaram favoráveis foram: Silvia Cristina (PDT), Mariana Carvalho (PSDB), Lúcio Mosquini (MDB), Jaqueline Cassol (PP) e Coronel Chrisóstomo (PSL-RO). Já Expedito Netto (PSD), Léo Moraes (Podemos) e Mauro Nazif (PSB) votaram contrários ao dispositivo.

Em seguida, houve apresentação e aprovação também no Senado Federal. O placar foi de 40 votos a 33 sobre a LDO. Neste crivo, votaram ‘sim’: Confúcio Moura (MDB) e Marcos Rogério (DEM). Acir Gurgacz (PDT) estava ausente. A matéria, agora, segue para sanção do presidente Jair Bolsonaro (Sem partido).

O valor aprovado é o triplo distribuído nas últimas eleições. Vale lembrar que este fundo foi criado pelo Congresso Nacional em 2017, após o Supremo Tribunal Federal (STF) proibir, dois anos antes, doações de pessoas jurídicas a candidatos a cargos eletivos. Os valores são repassados de forma proporcional à representatividade dos partidos no Congresso, ou seja: quem tem mais parlamentares recebe mais dinheiro.

Com a aprovação da LDO, o Congresso fica liberado para o recesso parlamentar, previsto para o período de 18 a 31 de julho, no entanto, eles devem retornar apenas no dia 3 de agosto.   

Fonte - NewsRondonia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.