Sem ‘nome’ desde 2014, Ponte sobre o Rio Madeira sentido AM será denominada: 'Rondon- Roosevelt'

Antes da aprovação na CCJ, o projeto foi protocolado em novembro de 2015 no Senado Federal pelo ex-senador Odacir Soares (PP/RO).
Sexta-Feira, 16 de Julho de 2021 - 10:23

O Projeto de Lei N° 3049/15 que dá nome à Ponte sobre o Rio Madeira em Porto Velho sentido Humaitá (AM), inaugurada em 2014, foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara, durante sessão nesta quinta-feira (15). O projeto pede que o dispositivo seja denominado “Ponte Rondon-Roosevelt”. Mas para receber de fato tal denominação, a matéria segue para o crivo do Presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido).

Antes da aprovação na CCJ, o projeto foi protocolado em novembro de 2015 no Senado Federal pelo ex-senador Odacir Soares (PP/RO). À época, a matéria seguiu com status de ‘prioridade’ e foi aprovada nas Comissões de Viação e Transportes; Cultura e Constituição e Justiça e de Cidadania do Senado e encaminhada para a Câmara.

Em 2019, quatro anos depois, o projeto chegou à Comissão de Viação e Transporte. A deputada Jaqueline Cassol (PP) foi a relatora. No seu parecer, ela lembrou que a denominação Rondon-Roosevelt é em “homenagem aos 100 anos da Expedição Roosevelt, liderada pelo Marechal Cândido Rondon e por Theodore Roosevelt, ex-Presidente dos Estados Unidos, cujo objetivo constituía na exploração do curso do Rio da Dúvida para integrar o Brasil e implantar linhas telegráficas, se tornando um marco estratégico de ligação entre os estados de Rondônia, Amazonas e Acre, concretizando a Amazônia Ocidental”.

Após sair da Comissão de Transporte, a matéria seguiu para a Comissão de Cultura e por fim, na CCJ com relatoria do deputado Léo Moraes (Pode). Moraes apresentou parecer favorável. Como o texto tramitou em caráter conclusivo, poderá seguir à sanção presidencial, a não ser que haja recurso para a análise pelo Plenário da Câmara. 

Fonte - NewsRondonia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.