Polícia prende envolvido em crime de saidinha de banco; comparsa foi morto em maio

O suspeito aproveitava o momento de distração das vítimas para realizar o assalto.
Sexta-Feira, 09 de Julho de 2021 - 17:57

Investigação realizada por equipes da Polícia Civil, por meio da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio chegou até o suspeito Anderson Bonfim Vieira, sem idade divulgada.

A polícia acredita que o homem seja responsável por vários assaltos no estilo “saidinha de banco”, ocorridos em Porto Velho. O suspeito aproveitava o momento de distração das vítimas para realizar o assalto. A prisão ocorreu nesta sexta-feira, (09) e envolveu a participação dos delegados, Francisco Borges Neto e Vinicius Lucena.

Em um dos crimes, Anderson Bonfim e mais o comparsa Eduardo da Silva Nery, o (Duduzinho), são captados pelas imagens.

No dia, 27 de maio, Eduardo da Silva tentou render um militar do Exercício numa agencia localizada na Avenida Rio Madeira, o militar e reagiu e matou o homem a tiros.

Para a Polícia Civil, os homens pertencem a um grupo criminoso que vem agindo na região, com objetivo de assaltar pessoas durantes as saidinhas de banco em Porto Velho.

No roubo que ocorreu a duas pessoas no estacionamento do Banco Sicoob, na Calama, no dia 28 de dezembro de 2020, a Polícia declarou que era Anderson que estava em uma moto dando guarita para o comparsa. As vítimas foram rendidas no estacionamento quando levavam cada uma a quantia de R$ 70 mil e R$ 11 mil. 

Os criminosos agiam de uma única maneira. Eles esperavam a entrada ou saída dos clientes nas unidades bancárias. Aproveitavam a distração das vítimas para anunciar o assalto. 

Fonte - NewsRondonia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.