Márcio Nogueira inicia visitas a subseções da OAB/RO no interior do estado

Pré-candidato à presidência da Ordem estará nesta semana em Machadinho do Oeste, São Francisco e São Miguel do Guaporé, Alvorada do Oeste, Cerejeiras e Colorado do Oeste
Terça-Feira, 22 de Junho de 2021 - 08:46

O advogado Márcio Nogueira, pré-candidato à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil em Rondônia, começa nesta terça-feira (22) uma série de visitas às subseções da entidade pelo interior do estado. Machadinho do Oeste será o primeiro município visitado, seguido por São Francisco e São Miguel do Guaporé (23/06), Alvorada do Oeste (24/06), Colorado do Oeste e Cerejeiras (25/06).

Atualmente secretário-geral da OAB/RO, Márcio Nogueira encontrará apoiadores de seu projeto e ouvirá de advogados e advogadas sugestões para construir uma pauta de interesses comuns à advocacia rondoniense. "Só é possível presidir uma entidade do tamanho e da importância da OAB se ouvirmos o que os profissionais têm a dizer. Os advogados e advogadas do interior de um estado complexo como o nosso carecem de atenção e de compreensão dos problemas enfrentados. Estou à disposição dos meus colegas para, juntos, construirmos uma nova advocacia em Rondônia", diz Nogueira.

Sócio de um dos maiores escritórios da região Norte, ele aposta em três bandeiras para chegar à presidência da entidade: aproximar a advocacia com o cidadão, permitindo que a Justiça se torne mais acessível a todos; usar a tecnologia e a inovação para modernizar a Ordem e o exercício da profissão; e implantar uma política efetiva de igualdade de gênero na entidade, superando a reserva mínima de 50% das vagas na chapa concorrente para mulheres.

Com 17 anos de atuação profissional, Nogueira atua desde 2013 na OAB/RO, onde também presidiu a Comissão de Estágio e Exame da Ordem e a Comissão de Direitos e Prerrogativas (CDP).

Entre os avanços das gestões que tiveram participação dele estão a digitalização do acervo institucional, o fim da fila de processos na CDP e algumas conquistas emblemáticas para a advocacia: a obtenção, no Conselho Nacional do Ministério Público, do direito de os advogados serem atendidos por membros do MP sem a necessidade de antecipar o tema a ser tratado; e o reconhecimento, pelo Conselho Nacional de Justiça, do direito de os advogados serem atendidos remotamente por juízes e desembargadores durante a pandemia.

Fonte - 010 - Assessoria

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.