Fazenda no Acre cria polêmica ao anunciar vaga para 'mucama' na internet

Ainda de acordo com o proprietário, o termo não foi o melhor.
Sabado, 19 de Junho de 2021 - 16:02

O dono da Fazenda “Três Meninas” que funciona como restaurante e alugueis de chalés, localizada no município de Xapuri, distante 187 quilômetros da capital Rio Branco (AC), não imaginava que um anúncio para a contratação de uma faxineira fosse criar uma enorme dor de cabeça. É que ao invés do nome específico, a expressão “mucama”, expressão atribuída a escrava (criada) que servia aos senhorios da casa grande foi usada na requisição da vaga.

O caso caiu na internet e a repercussão tem sido a mais negativa possível. Em resposta, o dono disse que houve um erro de idioma. Segundo ele, a equipe que faz a confecção dos anúncios é paraguaia. Ele se manifestou e lamentou o fato. “Foi uma situação que, na verdade, nós sentimos muito. Estamos com vergonha do que aconteceu. Nunca, jamais passou por nossa cabeça essa situação. Sou paraguaio e foi minha equipe que produziu o anúncio. Em espanhol, mucama significa doméstica, pessoa que trabalha fazendo faxina”, explicou.

Ainda de acordo com o proprietário, o termo não foi o melhor. A reportagem comprovou que o anúncio ficou por 5 minutos no ar, até pessoas informarem a falha. “Inclusive agradecemos os internautas que nos enviaram mensagens sobre a falha. Tiramos do ar imediatamente. Pedimos desculpas a todos”, lamentou.

Além dos serviços domésticos, a “mucama" em alguns casos serviam como ama de leite para os filhos dos seus patrões. No Brasil o termo é considerado racista.

Fonte - NewsRondonia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.